Revista revela gravações de Ideli para manter aliados no Dnit

Grampo telefônico feito com autorização judicial mostra ministra em conversa com presidente do PR, de acordo com a revista IstoÉ

iG Brasília |

AE
Segundo IstoÉ, ministra quis manter cargo de aliado no Dnit
A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, negociou para manter o cargo de um aliado acusado de irregularidade no Departamento de Infraestrutura de Transportes (Dnit). A conversa apareceu em gravações feita pela Polícia Civil catarinense com o presidente do PR de Santa Catarina, Nelson Goetten, quando Ideli ainda era a titular da pasta da Pesca. Atualmente ele está preso sob a acusação de pedofilia.

O PR foi o principal alvo da faxina implementada no Ministério dos Transportes e no Dnit após denúncias de corrupção.

As informações foram publicadas na revista IstoÉ deste fim de semana. De acordo com a reportagem, Ideli apareceu em grampos feitos com autorização judicial entre 1° de março e 31 de maio para investigar Goetten,suspeito de integrar rede de prostituição infantil. Na época, Ideli ainda era ministra da Pesca, cargo que ocupou entre janeiro e junho deste ano.

Nas gravações, os dois falam sobre a permanência de João José dos Santos, indicado pelo PR, na Superintendência do Dnit de Santa Catarinense.

Goetten afirma: “Eu preciso muito de ti (...) Se nós tivermos que apresentar um nome nosso. Não vamos correr risco...”. E Ideli responde: “Vou fazer todo esforço para defender ele. (...) Eu vou levar as informações devidas, pois eles estão fazendo eco, engrossando a campanha de direita. (...) Temos de fazer todo o esforço na defesa de João José”.

Em outro trecho, os dois conversam sobre a liberação de recursos para as obras do Dnit em Santa Catarina. Ideli afirma: “Nós garantimos aquele dinheiro para iniciar a obra de duplicação (...) E não iniciando a gente perder o dinheiro”. Goetten responde: “O João realmente tem alguns pecados, que é não se comunicar”.

Ideli defendeu-se por meio de nota encaminhada à revista. “A ministra Ideli Salvatti sempre teve uma relação institucional com o ex-deputado federal Nelson Goetten. Ambos foram deputados estaduais na mesma legislatura na Assembleia Legislativa e até há bem pouco tempo o ex-deputado era o presidente do PR em Santa Catarina”.

Sobre João José dos Santos, a nota de Ideli diz que ele “é uma indicação do PT de Santa Catarina e está à frente do cargo desde 2003”. “Não conhecimento de condenação por parte dos órgãos de controle estadual e federa à conduta do senhor João José no comando do Dnit/SC”, completa a nota.

    Leia tudo sobre: PRDilmaIdeliTransportes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG