PT de Belo Horizonte confirma aliança com PSB e tucanos para eleição municipal

Agora, partido deve indicar um nome para vice do candidato à reeleição, Marcio Lacerda (PSB); atual vice era a favor de candidatura própria

Denise Motta, iG Minas Gerais |

Denise Motta
Encontro do PT mineiro opta por manter aliança com PSB
Por 291 votos contra 196, o PT de Belo Horizonte decidiu ser favorável à aliança com o atual prefeito Marcio Lacerda (PSB), na disputa eleitoral de outubro. Agora, só resta o PT indicar um nome para ser vice e definir coligação para a chapa proporcional de vereadores. A votação ocorreu em um encontro na região da Pampulha, neste domingo (15).

O PT mineiro possui duas alas: uma favorável à candidatura própria e outra pela aliança com o PSB de Lacerda, que é de legenda da base aliada da presidenta Dilma Rousseff (PT).

Saiba tudo sobre a eleição em BH: Padrinhos de peso reforçam eleição

Visivelmente irritado com a situação, o vice-prefeito Roberto Carvalho (PT), defensor da candidatura própria, associa a aliança com o PSB à uma “imposição paulista”.

Na próxima semana ele comanda uma outra reunião para discutir a reedição da aliança com o prefeito, eleito em 2008 com apoio do senador Aécio Neves (PSDB-MG) e do ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel (PT-MG).

Veja o especial do iG sobre eleições

No próximo dia 29, os petistas devem indicar o nome do vice petista para compor chapa com o prefeito, já que Carvalho e Lacerda estão rompidos porque o primeiro é a favor de um nome do PT para cabeça de chapa. Entre os favoritos está o nome do deputado federal Miguel Correia Júnior, ligado ao ministro Pimentel.

    Leia tudo sobre: eleiçõesmgeleições2012PTmarcio lacerdapimentel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG