"PSD reúne descontentes e desconectados", diz Sérgio Guerra

Presidente do PSDB afirma que partido de Kassab não interfere no PSDB, mas é prejudicial para a democracia

Denise Motta, iG Mina Gerais |

O PSD , partido em formação liderado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab , “reúne descontentes e desconectados Brasil afora”. A frase foi dita pelo presidente nacional do PSDB, deputado federal Sérgio Guerra (PE) , que participa neste sábado em Belo Horizonte de um encontro de governadores tucanos .

Para Guerra, o novo partido de Kassab não interfere no PSDB e surge como uma janela não autorizada. “A gente acha que esse partido não surge de forma positiva, reunindo descontentes e desconectados pelo Brasil afora. Ele tem um conteúdo contrário da discussão da reforma política”, ressaltou Guerra.

O líder tucano também disse que a legenda de Kassab não contribui para a democracia, na medida em que o PSD surge como uma ferramenta para que oposicionistas passem para a base da presidenta Dilma. “Companheiros têm sofrido drenagem, lipoaspiração do PSD, isso é indesejável, saindo de um campo para outro, partido é uma janela e isso não ajuda a democracia, a construir coisa nenhuma.”

    Leia tudo sobre: psdpedbsergio-guerrakassabpartidogovernadores

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG