Roberto Gurgel afirmou que vai avaliar nos próximos dias quais diligências serão necessárias, como a quebra de sigilo do ministro

selo

Procurador também estuda pedir que seja remetido ao STF processo sobre Agnelo Queiroz
Agência Brasil
Procurador também estuda pedir que seja remetido ao STF processo sobre Agnelo Queiroz
O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, disse hoje que vai pedir, ainda nesta semana, a abertura de um inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o ministro do Esporte, Orlando Silva, sobre as suspeitas de envolvimento em desvio de recursos públicos destinados ao Programa Segundo Tempo do ministério.

Leia também: 'Querem tirar um ministro do cargo no grito', diz Orlando Silva

Nos próximos dias, ele vai avaliar quais diligências serão necessárias para esse inquérito, como quebra de sigilo.

Outra possibilidade levantada pelo procurador é pedir ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) que remeta ao STF o inquérito existente naquele tribunal para investigar o ex-ministro e atual governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz. Segundo Gurgel, aparentemente, há ligação entre os fatos. Queiroz era o ministro do Esporte da época das primeiras denúncias envolvendo o programa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.