Processo de anistia de Marighella será julgado hoje em Salvador

Conheça a trajetória do líder da Ação Libertadora Nacional (ALN), grupo armado que lutou contra a ditadura

iG Brasília |

O Ministério da Justiça realiza, entre hoje e amanhã, em Salvador (BA), a 53ª Caravana da Anistia. O principal homenageado será o líder revolucionário Carlos Marighella (1911-1969), que completaria 100 anos se estivesse vivo.

Durante o evento, será realizado o exame do processo de anistia de Marighella. Nascido na capital baiana, ele militou no Partido Comunista Brasileira (PCB) até 1967. Por defender a luta armada, foi expulso da legenda e fundou a Aliança Libertadora Nacional (ALN).

Entre 1968 e 1969, Marighella foi considerado inimigo número um da ditadura militar, sobretudo, por conta da participação da ALN no sequestro do embaixador norte-americano Charles Elbrick em parceria com o MR-8.

Dois meses após a ação bem-sucedida, Marighella sofreu uma emboscada na rua Alameda Casa Branca, região central de São Paulo. Ao reagir à prisão, acabou morto por policiais subordinados ao delegado do Sérgio Fleury, do Departamento da Ordem Pública e Social.

História de luta

Marighella foi preso pela primeira vez em 1932, quando tinha 22 anos e era estudante do curso de Engenharia da Escola Politécnica da Bahia. O motivo da prisão teria sido a produção de um poema contra o interventor do Estado Juracy Magalhães.

Em seguida, migrou para o Rio de Janeiro e passou a se dedicar totalmente ao Partido Comunista Brasileiro. Voltou a ser preso em 1936, também por causa dos seus posicionamentos contra a ditadura do então presidente Getúlio Vargas.

Marighella foi preso mais uma vez, em 1939. Só foi solto em 1945, após a anistia a todos adversários da ditadura de Vargas. Em 1946, candidatou-se a deputado federal e foi eleito. Dois anos depois, o PCB foi banido pelo governo Eurico Dutra e ele perdeu o mandato.

Desde então, Marighella viveu na clandestinidade até ser morto em 4 de novembro de 1969.

    Leia tudo sobre: marighellaanistia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG