Pré-candidata, Soninha engrossa coro pró-Serra

Com discurso "serrista", a ex-sub-prefeita da Lapa pretende concorrer ao governo de São Paulo, mas não descarta disputar o Senado

Nara Alves, iG São Paulo |

selo

A pré-candidatura de Soninha Francine ao governo de São Paulo foi anunciada pelo PPS, mas ainda precisa ser financeiramente viabilizada para se concretizar. Na falta de recursos para a campanha estadual, a alternativa, ainda não descartada pela ex-sub-prefeita da Lapa, é concorrer ao Senado. De qualquer maneira, Soninha pretende disputar as eleições de outubro para reforçar o nome da legenda de olho na sucessão do prefeito da capital paulista, Gilberto Kassab (DEM), em 2012. De quebra, será mais uma voz favorável ao candidato tucano à presidência, José Serra.

AE
Soninha durante a inauguração da Ciclovia Marginal Pinheiros, em fevereiro
Seja concorrendo ao governo, seja disputando o Senado, o discurso da campanha da ex-petista Soninha será de oposição ao governo Lula e de elogios à gestão Serra em São Paulo. “Não vou fazer uma campanha simplesmente falando mal da situação, mas passará por uma crítica à mudança da proposta do PT”, afirma. Entre as críticas está a execução do Bolsa Família, que tornaria beneficiados “dependentes” do programa, mesmo discurso adotado pelos tucanos contra a pré-candidata do PT, Dilma Rousseff.

O último levantamento do Datafolha apontou o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) disparado na frente com 53% da preferência. Aloizio Mercadante (PT) aparece em segundo, com 13%. Soninha tem 7% das intenções de voto. Se fosse concorrer a uma das duas vagas no Senado, no entanto, o percentual de votos subiria para 22%, segundo o Datafolha. Neste caso, o PPS poderia apoiar a candidatura de Alckmin.

“Tenho muitas críticas à gestão de Alckmin e, até por isso, o PPS tem candidato próprio ao governo. Acho que ele poderia ter sido mais agressivo, como o Serra foi”, diz. De acordo com Soninha, o apoio a Alckmin dependeria de três fatores: o fortalecimento do PPS nos parlamentos, o reforço da campanha de Serra e a possibilidade de influir na administração tucana em São Paulo.

    Leia tudo sobre: SoninhaSerraEleições 2010São Paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG