Planalto nega falha de segurança em uso do avião presidencial

Governo respondeu a reportagem sobre infiltração de passageiro em um voo que levava a presidenta Dilma Rousseff

iG São Paulo |

O Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República divulgou nota nesta quinta-feira negando que tenha sido aberta uma brecha de segurança no uso do avião presidencial. De acordo com o Planalto, "todos os passageiros do voo em questão foram previamente identificados e submetidos aos procedimentos de segurança".

A afirmação responde a reportagem divulgada hoje pelo jornal O Estado de S.Paulo , segundo a qual um passageiro teria sido infiltrado em um voo que transportava a presidenta Dilma Rousseff . "Não houve quebra nas normas de segurança do avião presidencial, conforme veiculado hoje na imprensa", diz a nota. O que ocorreu, segundo o GSI, foi um equívoco no processo de autorização de uma passageira que não fazia parte da comitiva presidencial.

    Leia tudo sobre: Dilma rousseffavião presidencial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG