PDT do Maranhão nega responsabilidade por avião usado por Lupi

Presidente do partido no Estado diz que prestação de contas não aponta fretamento de aeronave particular

Wilson Lima, iG Maranhão |

A prestação de contas do PDT do Maranhão em relação ao exercício financeiro de 2009 não aponta pagamento de fretamento de qualquer tipo de aeronave durante a visita do ministro Carlos Lupi ao Maranhão, em dezembro daquele ano. A informação foi confirmada pelo presidente da executiva estadual do partido, Igor Lago.

Neste final de semana, a revista Veja publicou matéria informando que Lupi usou a aeronave para cumprir agenda no Maranhão ao lado do empresário Adair Meira, responsável por ONGs cujas irregularidades em contratos com o Ministério do Trabalho foram apontadas pela Procuradoria da República e pela Controladoria-Geral da União.

Entenda o caso:
Carlos Lupi usou avião de dono de ONG, afirma revista
Fotos em avião complicaram situação do ministro do Trabalho
PDT foi responsável por aviões usados no Maranhão, diz Lupi

Grajaú de Fato
Lupi desce de aeronave cedida por dono de ONGs

Por meio de nota oficial, o ministro havia afirmado que “os deslocamentos realizados dentro do Estado do Maranhão para agendas, parte em veículos de filiados, e parte em aviões de pequeno porte, tipo Sêneca, foram de responsabilidade do Diretório Regional do PDT do Maranhão, do ex-governador Jackson Lago, e do deputado Federal Weverton Rocha”.

A informação da prestação de contas do PDT vai de encontro à explicação oficial do ministério. Imagens publicadas no site de notícias Grajaú de Fato, também contrariam a versão do ministro.

Igor Lago disse que ficou surpreso desde o fim de semana com a informação de que as viagens ficaram sob a responsabilidade do PDT. “Não havia como o partido assumir este tipo de despesa”, disse Lago. Na noite desta terça-feira (15), Lago, filho do ex-governador do Maranhão Jackson Lago (já falecido) entregou a documentação para o presidente nacional do PDT, André Figueiredo, e para o secretário nacional do PDT, Manoel Dias.

“Como esse material também será entregue para a Polícia Federal não é bom entregá-lo para a imprensa. Mas, no momento oportuno, posso disponibilizá-lo”, assinalou Lago. Por meio de sua assessoria de imprensa, o deputado federal pelo Maranhão Weverton Rocha (PDT), que também é apontado como um dos passageiros desta viagem, preferiu não comentar o assunto.

Fontes do PDT informaram ao iG que, nos próximos dias, Rocha deve revelar detalhes sobre como foram organizados os voos do ministro no Maranhão em dezembro. Entre os dias 11 e 13 de dezembro, Carlos Lupi fez nove viagens aéreas no Estado. Destas, sete foram feitas em voos fretados. Uma foi em avião de carreira e o último, na saída do Maranhão, em um voo da Força Aérea Brasileira (FAB). Pela reportagem da Veja , as viagens foram realizadas a bordo de uma aeronave King-Air PT-ONJ, providenciada pelo empresário Adair Meira.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG