No Uruguai, Dilma encontra Mujica

Presidenta deve assinar acordos para ampliar integração energética entre os dois países

AFP |

A presidenta do Brasil, Dilma Rousseff , chegou na manhã desta segunda-feira a Montevidéu para uma visita de cinco horas. Durante sua permanência, Dilma planeja assinar vários acordos com o chefe de governo uruguaio José Mujica, visando ampliar a integração física e energética entre os dois países.

Reuters
Presidenta visita o país pela primeira vez desde que tomou posse
Dilma chegou a Montevidéu pouco antes do meio-dia e se dirigiu ao Centro de Desenvolvimento de Conteúdos e TV Digital do Laboratório Tecnológico do Uruguai (LATU), construído em cooperação com o Brasil. Lá foi recebida pelo presidente Mujica.

Dilma e Mujica - que num primeiro encontro em Brasília no mês de janeiro concordaram em manter reuniões bilaterais num período trimestral - esperam assinar mais de 10 acordos."Estamos interessados na identificação de novas oportunidades de cooperação no campo da integração produtiva", afirmou Dilma, considerando que o Uruguai é "reconhecido pela estabilidade jurídica e pela qualidade dos recursos humanos".

A visita desta segunda-feira é a primeira de Dilma ao país vizinho e parceiro comercial desde que assumiu o governo em janeiro, e a terceira ao exterior, depois da Argentina e China.

    Leia tudo sobre: UruguaiBrasildiplomaciadilma rousseff

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG