No Diário Oficial, novo ministro do Supremo vira Luiz 'Pux'

Diário oficial também nomeia Romero Jucá e Vaccarezza como líderes do governo no Senado e na Câmara

Severino Motta, iG Brasília |

Foram seis meses para que um nome fosse indicado para substituir o ex-ministro Eros Grau no Supremo Tribunal Federal (STF). A indicação presidencial foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (2), mas sua eficácia ainda vai levar um pouco mais de tempo para se efetivar. Conforme antecipou o Poder Online , Luiz Fux foi escolhido por Dilma Rousseff para preencher a vaga. Mas seu nome foi escrito de forma errada – Pux. Com isso, uma correção terá de ser feita numa edição extraordinária ou no exemplar de quarta-feira.

Além da indicação de Fux, a presidente também nomeou o senador Romero Jucá (PMDB-RR) como líder do governo na Casa. Articulador do ex-presidente Luiz Inácio Lula da SIlva , o parlamentar também ocupou o posto durante o governo de Fernando Henrique Cardoso.

Outra nomeação oficializada no Diário foi a de Cândido Vaccarezza (PT-SP), na liderança do governo na Câmara. Ele segue no papel desempenhado no último ano do mandato de Lula. A escolha do deputado serviu como uma espécie de prêmio de consolação, uma vez que ele foi derrotado dentro da bancada petista e viu a presidência da Câmara escapar de suas mãos e ir para o deputado Marco Maia (PT-RS).

    Leia tudo sobre: fuxpuxvaccarezzajucá

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG