'Ninguém aqui é moleque', diz líder do PR após reunião no Planalto

No Senado, PR diz não ter mais compromisso de apoio automático ao governo. Na Câmara, partido ainda negocia

iG São Paulo |

O líder do PR no Senado, Blairo Maggi (MT), comunicou hoje à ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, que a negociação com o governo está encerrada e que acabou o apoio automático do partido no Senado ao Planalto. "Chega. Ninguém aqui é moleque. Não tem mais o que negociar", disse Blairo Maggi resumindo o resultado da reunião.

Leia também: PR dará ultimato ao Planalto sobre ministério

A decisão pelo rompimento foi tomada após o encontro de Maggi com Ideli, na manhã de hoje, em que o líder cobrou do Planalto se o partido indicaria ou não o novo ministro dos Transportes. A resposta da ministra foi negativa.

No Senado, a bancada do PR é composta por sete parlamentares.

Agência Brasil
Senador Blairo Maggi (MT-PR) anunciou rompimento com a base do governo

Já a bancada do PR da Câmara ainda está disposta a continuar a negociação, mas no que depender do presidente nacional do partido, senador Alfredo Nascimento (AM), ex-ministro dos Trasnportes que caiu após denúncias de corrupção, o PR ficará independente.

(Com AE)

    Leia tudo sobre: PRSenadooposiçãoDilma Rousseff

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG