Líder do PR comunicou data do depoimento do ex-ministro dos Transportes logo antes de Luiz Antônio Pagot falar à Câmara

selo

Alfredo Nascimento perdeu o cargo em meio a denúncias de suposto esquema de corrupção
AE
Alfredo Nascimento perdeu o cargo em meio a denúncias de suposto esquema de corrupção
O líder do PR, deputado Lincoln Portela (MG), anunciou hoje que o ex-ministro dos Transportes, senador Alfredo Nascimento (PR-AM), dará explicações ao plenário do Senado no dia 2 de agosto sobre as suspeitas de envolvimento nas denúncias de corrupção e superfaturamento de contratos na pasta. O anúncio foi feito pelo parlamentar na abertura da audiência pública em que o diretor afastado do Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre (Dnit), Luiz Antonio Pagot, presta esclarecimentos aos deputados sobre as mesmas acusações. Ontem Pagot prestou depoimento no Senado .

Ao pedir demissão do cargo na semana passada, Nascimento reassumiu automaticamente o mandato de senador, ao qual foi eleito pelo Amazonas em 2006. No entanto, o ex-ministro ainda não compareceu ao Senado. Ele pediu licença do mandato e somará o período de afastamento com o recesso parlamentar, que começa oficialmente na próxima segunda-feira.

Nascimento só retomará, portanto, efetivamente o mandato no Senado em agosto, quando se manifestará em plenário sobre as acusações. De acordo com a Revista Veja, Nascimento comandava um esquema de corrupção e superfaturamento de contratos no ministério, em parceria com Pagot e com o presidente afastado da Valec - empresa pública que controla as ferrovias - José Francisco das Neves, o Juquinha.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.