Morre em Porto Alegre ex-deputado Floriceno Paixão

Advogado abandonou a política no governo Collor

Agência Estado |

O ex-deputado federal Floriceno Paixão morreu ontem, em Porto Alegre, aos 91 anos, de doença degenerativa. Advogado voltado para as causas previdenciárias e trabalhistas, Paixão elegeu-se deputado federal em 1958 e 1962 pelo PTB e em 1966 pelo MDB.

Em 1969, teve seus direitos políticos cassados pelo regime militar. Já no PDT, voltou à Câmara em 1982, foi reconduzido ao cargo em 1986, como constituinte, e abandonou a carreira política durante o governo de Fernando Collor de Melo.

    Leia tudo sobre: Floriceno Paixão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG