Ministro Luiz Sérgio nega crise entre PT e PMDB por cargos

Segundo ele, o processo de disputa por cargos é "um processo natural" em um governo de coalizão

Agência Brasil |

O ministro da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Luiz Sérgio, disse nesta sexta-feira (7) que não há crise entre o PT e o PMDB por causa da ocupação de cargos no governo federal. Segundo ele, o processo de disputa por cargos é “um processo natural” em um governo de coalizão.

“Este é um governo de coalizão. Num governo de coalizão, é normal que partidos queiram participar [do governo]. Num primeiro momento, sempre há uma movimentação [em busca de cargos], o que pode dar uma sensação de crise. Na verdade, não há crise. Este é um processo natural”, disse.

 Quanto à cobrança do deputado federal Henrique Alves (PMDB/RN) por um assento do PMDB na articulação política do governo, o ministro disse que o comentário do parlamentar é “indevido” e não expressa o sentimento do partido.

 “A participação e o papel que o PMDB desempenha [dentro do governo] é muito importante e é compatível, levando em consideração os outros partidos e as outras forças que foram fundamentais para que esse processo [a eleição da presidenta Dilma Rousseff] fosse vitorioso”, afirmou o ministro.

    Leia tudo sobre: pmdbcrisePTministro luiz sérgio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG