Ministério Público investiga doações a campanhas sociais em SP

Denúncia é que Defesa Civil Municipal estaria liberando mantimentos somente a vereadores ligados ao prefeito Gilberto Kassab

AE |

selo

O Ministério Público Estadual (MPE) vai investigar a denúncia de que a Defesa Civil Municipal estaria liberando donativos apenas para entidades ligadas a vereadores paulistanos. Ontem, o prefeito Gilberto Kassab (PSD) anunciou que vai criar um portal na internet para gerenciar donativos de qualquer campanha que tenha participação da prefeitura a partir de agora.

Futura Press
O prefeito Gilberto Kassab anunciou que criará um site para gerenciar donativos às campanhas da prefeitura
Kassab não deu prazo para a proposta entrar no ar, mas disse que o novo site deve dar mais transparência ao destino do material recolhido. "É para que fique claro e bem identificado quem está enviando, como está indo, quem está recebendo e como chegou ( o donativo )", afirmou. Ele defendeu o coordenador da Defesa Civil, coronel Jair Paca de Lima, e disse que prefere aguardar a apuração do caso para tomar outras providências.

Convidado pela liderança do governo na Câmara Municipal, Paca se apresentou ontem na Casa, em uma tentativa de esclarecer a denúncia de que a Defesa Civil estaria liberando doações destinadas à região serrana do Rio de Janeiro e a São Paulo apenas para entidades indicadas por vereadores. Em gravação transmitida pela Rádio Bandeirantes AM , uma funcionária do órgão teria informado que os mantimentos que haviam sobrado no galpão municipal só seriam liberados após a indicação de algum vereador.

Nominalmente, a funcionária citou apenas Ushitaro Kamia (DEM), que apoiou a campanha de Paca a deputado estadual no ano passado. Na Câmara, Paca voltou a negar ter negociado direcionamento de itens com qualquer vereador, apesar de confirmar a doação de 250 quilos de roupas para a Fundação Oriente-Ocidente, ligada a Kamia.

Em sua defesa, Kamia afirmou que não indica nenhum funcionário da fundação e não sabe por que uma funcionária da entidade pedia título de eleitor e RG antes de liberar as doações. Ele negou novamente ter intermediado a ajuda. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: KassabDefesa Civil MunicipalSPdoações

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG