Lula volta a despachar no instituto e encontra Dilma nesta tarde

Ex-presidente teve audiências com Rui Falcão e João Santana; local de encontro com presidenta é mantido sob sigilo

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou nesta segunda-feira a dar expediente na sede do Instituto Lula. Ontem foi a primeira vez que o ex-presidente esteve no prédio do bairro do Ipiranga desde que foi diagnosticado o câncer na laringe, no final de outubro

Entenda o câncer de Lula: Ex-presidente é diagnosticado com tumor na laringe
Tratamento:
Lula inicia quimioterapia e terá acompanhamento fonoaudiológico

Lula recebeu o presidente nacional do PT, Rui Falcão, e o publicitário João Santana. Ambos foram mostrar a ele o programa de TV do PT que vai ao ar depois de amanhã. Segundo pessoas que viram o programa, Lula ficou bastante satisfeito e se emocionou com a homenagem feita a ele pelo partido.

Enquanto estiver em tratamento, Lula deve ter uma agenda leve no instituto. “Não teremos reuniões chatas”, disse um colaborador.

Nenhuma adaptação ou cuidado especial foi tomado para receber o ex-presidente, que subiu e desceu escadas e tomou muita água, uma das orientações médicas para amenizar os efeitos da quimioterapia. Nas últimas semanas Lula reclamou muito de dificuldade para beber água por causa das dores provocadas pelo tumor na laringe.

Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Dilma, com Lula e Marisa, na visita que fez no mês passado ao ex-presidente
Além disso o ex-presidente se queixou da falta de apetite e da dificuldade de sentir o sabor dos alimentos, outros efeitos colaterais do tratamento. No mais, estava animado e alegre pelo pentacampeonato brasileiro do Corinthians.

Nesta terça-feira Lula deve se encontrar com a presidenta Dilma Rousseff , que está em São Paulo para participar de um evento da revista IstoÉ , à noite. O local do encontro, no entanto, está sendo mantido em sigilo. Não deve ser a casa de Lula em São Bernardo, nem o Instituto, para onde o ex-presidente deve voltar no final da tarde.

Na semana passada, os médicos de Lula orientaram o ex-presidente a se esforçar para sair mais de casa e tentar retomar a rotina, dentro do possível. Na semana que vem Lula volta ao Hospital Sírio-Libanês para receber a terceira e última sessão de quimioterapia e fazer os exames que vão apontar se o tratamento está dando o efeito esperado. De acordo com colaboradores, Lula já está se preparando para a radioterapia, segunda fase do tratamento, que vai começar em janeiro.

    Leia tudo sobre: Dilma RousseffLulacâncer de Lula

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG