Lula recebe alta do Hospital Sírio-Libanês

Ex-presidente estava internado para dar continuidade ao seu tratamento contra câncer na laringe

iG São Paulo |

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu alta do Hospital Sírio-Libanês às 20h30 desta terça-feira. Lula fez a terceira sessão de quimioterapia, normalmente.

A boa notícia: Quimioterapia reduz tumor de Lula em 75%, diz equipe médica

Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Roberto Kalil Filho dá a boa notícia a Lula e Marisa: câncer regrediu 75%
Até agora, o tratamento de quimioterapia reduziu em 75% o tamanho do tumor detectado na laringe do petista em outubro deste ano. Agora, Lula deve continuar recebendo medicação contínua até sábado, como aconteceu nas duas sessões anteriores.

Segundo a equipe médica, os resultados levaram os médicos do ex-presidente a descartar qualquer hipótese de cirurgia para a retirada do tumor. "A cirurgia está totalmente descartada pela redução constante", disse o oncologista Luiz Paulo Kowalski. "Se existe um caminho que leva à cura seguramente passa por esse estágio", acrescentou o oncologista Artur Katz, também integrante da equipe que acompanha o ex-presidente.

A partir de janeiro, ele ingressa em uma nova etapa do tratamento, na qual será submetido a sessões de radioterapia. A quimioterapia, no entanto, não está totalmente concluída, já que ele receberá pequenas doses desses medicamentos em conjunto com as sessões de radioterapia. A nova fase do tratamento será ambulatorial e exigirá que Lula compareça ao hospital uma vez por semana.

    Leia tudo sobre: câncer de lulatumorlaringecâncerquimioterapiaradioterapia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG