Kassab diz que pode decidir futuro político até amanhã

Prefeito de São Paulo afirmou que antes pretende conversar com o ex-senador Jorge Bornhausen (DEM)

AE |

selo

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), disse hoje que pode decidir seu futuro político na noite de hoje ou amanhã, após conversa que terá com o ex-senador Jorge Bornhausen (DEM). É esperado que o prefeito anuncie sua saída do Democratas para a fundação de um novo partido. "Vamos aguardar a conversa com o senador Bornhausen. Pode ser amanhã, vou combinar com ele hoje", admitiu.

Kassab participou de almoço na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) de posse da presidência da Associação Viva o Centro, que voltará a ser conduzida pelo ex-presidente do Banco Central Henrique Meirelles. Com um pé fora do DEM, o prefeito da capital paulista afirmou que o partido tem uma oportunidade "de reencontrar seu rumo através da liderança do senador Agripino Maia (RN)".

Sobre as críticas que vem sofrendo dos colegas de sigla a respeito da criação de outro partido para "burlar" a lei de fidelidade partidária, Kassab desconversou. "Que eles possam ser muito felizes", disse. No início do evento, o prefeito foi abordado por um repórter do programa CQC, da Band, que o questionou sobre como aprendeu "a pular cerca". "Não sou infiel", respondeu Kassab, em tom de brincadeira.

    Leia tudo sobre: kassabDEMBornhausenPDB

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG