Em evento, governador e prefeito de São Paulo esperaram Serra por 15 minutos ao lado do palanque antes de iniciar cerimônia

selo

O pré-candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Serra, deu início a uma série de participações em eventos oficiais com o governador Geraldo Alckmin (PSDB) e o prefeito Gilberto Kassab (PSD).

Leia também: DEM avisa que apoia Serra se tiver vice na chapa

Para ampliar sua exposição antes do início da campanha, deve estar ao lado de seus dois maiores cabos eleitorais em visitas e inaugurações. Nesta terça, os três subiram juntos ao palanque pela primeira vez desde a confirmação da pré-candidatura de Serra. Na inauguração do Poupatempo da Lapa, zona oeste, seu nome foi citado nos discursos e ele chegou a ser chamado duas vezes por Kassab de "nosso sempre prefeito"

A participação de Serra era considerada tão importante que governador e prefeito foram obrigados a esperá-lo por 15 minutos ao lado do palanque, até que por fim o pré-candidato chegou. Nos próximos meses, a agenda de Serra será montada em conjunto com a de Alckmin e Kassab. Equipes do governo e da Prefeitura já concordaram em incluir a sua participação em eventos oficiais. Serra quer participar da inauguração de obras que lançou quando foi prefeito e governador. Caso do Poupatempo, cuja instalação foi definida pelo então governador Serra, em parceria com Kassab.

Nas inaugurações municipais, Serra pediu a sua equipe que dê prioridade a grandes obras, descartando pequenos postos de saúde, por exemplo.

Serra nega motivação eleitoral na visita à obra. "Eu vim pela alegria de ver uma coisa que eu toquei funcionando. Do ponto de vista eleitoral é irrelevante", disse. Alckmin desconversou. "Não há nenhuma candidatura até o mês de junho. Ele (Serra) teve uma participação importante aqui no Poupatempo."

Após a inauguração, o pré-candidato cumprimentou os funcionários, posou para fotos e seguiu com Alckmin para o Mercado da Lapa. Lá, eles conversaram com frequentadores e tomaram café. Alckmin pagou a conta. "Sempre comecei na Lapa as campanhas que eu ganhei", disse Serra ao dono de um açougue do mercado. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.