Ideli diz que será 'afável' na abordagem com Congresso

Nova ministra de Relações Institucionais tomou posse do cargo nesta segunda-feira, em Brasília

AE |

selo

A nova ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, afirmou que será "firme nos princípios e afável na abordagem" com os parlamentares no cumprimento de sua nova missão. A catarinense que tem fama de "pavio curto" ponderou em seu discurso de posse no cargo que seus oito anos de mandato como senadora renderam-lhe "cicatrizes" e conferiram-lhe "coragem" para enfrentar os desafios do Congresso de "peito aberto".

AE
A nova ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, na cerimônia de posse
Ao tomar posse no cargo em solenidade realizada hoje no Palácio do Planalto, a nova ministra afirmou que manter uma relação de "respeito" com todos os partidos que compõem a base aliada será a "tarefa central" de sua gestão à frente da nova pasta. Ela ressaltou que, paralelamente, estabelecerá um "debate respeitoso e republicano com a oposição".

Numa alusão indireta à utilização de cargos e nomeações no governo como ferramentas de trabalho da articulação política do Planalto, a nova ministra frisou que a "argumentação" será a arma que utilizará no cotidiano aos que desejarem discutir com ela e com o governo "os grandes temas nacionais". Ideli enfatizou que seu trabalho será "conversar, conversar, conversar e negociar" com os líderes da base e da oposição no Congresso.

Apesar do discurso de respeito com os aliados e a oposição, Ideli lembrou que será firme e saberá dizer "não" quando for preciso. "Quando necessário vou dizer não, mas com amabilidade". Ao final, ela ressaltou que caberá a ela apenas "coordenar" a articulação política do governo, porque esta é uma tarefa que compete a todos que participam da gestão da presidente Dilma Rousseff.

    Leia tudo sobre: Ideli Salvatti

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG