"É o sentimento que tenho a partir das últimas conversas com a presidenta Dilma", afirma a ministra das Relações Institucionais

selo

AE
A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti
O diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Luiz Antônio Pagot, deverá ser exonerado do cargo. A informação foi repassada nesta manhã em São José, na Grande Florianópolis, pela ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti. "É o sentimento que tenho a partir das últimas conversas com a presidenta Dilma", afirmou Ideli ao ser questionada a respeito da crise no Ministério dos Transportes. Ela participou da 3.ª Semana da Educação de São José. Ideli deixou claro que o diretor-geral está em férias e que talvez nem volte a ocupar o cargo.

Questionada sobre a paralisação das obras por conta da crise na pasta dos Transportes, a ministra afirmou que o governo está muito preocupado em resolver a questão e que procedimentos serão instaurados para apurar as responsabilidades. "Tivemos que diminuir o repasse de verbas para alguns projetos, paralisar algumas ações, mas acreditamos que logo voltaremos à normalidade." Pagot, acusado de cometer irregularidades na gestão do Dnit, saiu em férias assim que a presidente Dilma Rousseff afastou a cúpula do Ministério dos Transportes, ligada ao PR.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.