Governo quer votar Código Florestal na Câmara ainda este ano

Segundo Ideli Salvatti, plano é finalizar também tramitação da DRU e deixar agenda livre para votar o Orçamento de 2012

AE |

selo

AE
Ideli, em entrevista após a reunião da coordenação política do governo
O Palácio do Planalto está confiante de que o novo texto do Código Florestal será aprovado ainda neste ano na Câmara, afirmou a ministra da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti.

Entenda a polêmica que cerca o projeto do novo Código Florestal

"Se houver acordo entre a maioria dos líderes é possível votá-lo ( o Código ) antes do final do ano. É claro que estamos a poucos dias de votação ( recesso ), mas já que os líderes da Câmara acompanharam as tratativas, as negociações e os acordos no Senado, essa possibilidade existe.

Estamos confiantes de que, se houver possibilidade, poderemos votar", disse Ideli, que participou hoje da reunião do grupo de coordenação política com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto. Apesar do aparente otimismo, o governo prorrogou hoje, por meio de decreto a suspensão de multas a proprietários rurais que descumprem a atual lei ambiental por desmatamento. A prorrogação vai até 11 de abril.

Ideli reforçou que o governo trabalha também com a perspectiva de finalizar a votação do projeto da Desvinculação de Receitas da União (DRU), que permite ao governo gastar como quiser 20% de suas receitas. Com as votações solucionadas, segundo ela, o Conhgresso terá condições de aprovar o Orçamento do ano que vem até o dia 22.

"( Temos ) perspectivas extremamente promissoras de nós conseguirmos votar o segundo turno da DRU no dia 20. Isso nos dá as condições para votar o Orçamento entre os dias 21 e 22 e também de algumas votações possíveis de serem realizadas", disse Ideli a jornalistas após a reunião, no Palácio do Planalto.

    Leia tudo sobre: Código FlorestalIdeli Salvatti

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG