Governo quer legalizar bingos antes das eleições

Base vai tentar aprovar nesta quarta-feira urgência para o projeto que legaliza bingos no país

Severino Motta, iG Brasília |

A base do governo vai tentar aprovar nesta quarta-feira um pedido de urgência para o projeto que legaliza os bingos no Brasil. A decisão foi tomada nesta noite numa reunião de líderes da Câmara. Se os governistas conseguirem aprovar o requerimento a matéria passa a ter prioridade na pauta de votações.

Segundo o líder do PTB na Câmara, Jovai Arantes (GO), independentemente de ser um ano eleitoral, o assunto deve ser tratado pelo Legislativo. Ele acredita que o jogo, na ilegalidade, gera prejuízos para o Estado. Ele citou a inexistência de arrecadação de impostos e os canais de corrupção que são abertos junto à Polícia e a servidores públicos.

“Todo país tem jogo, só o Brasil não pode ter? Todo o problema dos bingos acabaria se o jogo saísse da clandestinidade”, disse.

Jovair ainda negou que a discussão sobre bingos possa trazer de volta o debate sobre o caso Valdomiro Diniz, acusado de ter praticado tráfico de influência na renovação de contratos de casas de jogos para arrecadar dinheiro e abastecer o caixa da campanha petista – caso que levou à proibição dos bingos no país.

“É como disse, o problema existe hoje pela clandestinidade. O assunto tem que ser debatido”.

A oposição adiantou que vai seguir em obstrução até que a regulamentação da Emenda 29, que destina mais recursos para a Saúde, seja votada. O líder da Minoria na Câmara, Gustavo Fruet (PSDB-PR) ainda destacou que os oposicionistas são contrários à legalização dos bingos.

“Não concordamos com isso e vamos seguir em obstrução”.

Caso o governo consiga aprovar o projeto de legalização dos bingos na Câmara a matéria ainda terá que ser votada pelo Senado antes de ser enviada para a promulgação pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

    Leia tudo sobre: bingosurgênciabasevotaçãocâmara

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG