Lei de Diretrizes Orçamentária para 2011 é de R$ 1,8 bilhão. Proposta vai ser lida dia 16 em plenário

O governo de Roraima protocolou na Assembleia Legislativa a LDO – Lei de Diretrizes Orçamentária para o exercício de 2011, que traz a soma de R$ 1,8 bilhão, traduzindo um aumento de 10% a mais em relação ao orçamento vigente, correspondente a R$ 1,6 bilhão. A LDO será lida em plenário na sessão do dia 16.

De acordo com o secretário legislativo da Assembleia, após a leitura da LDO em plenário, serão encaminhadas cópias para os demais parlamentares e distribuídas nas comissões permanentes para análise e apreciação. O Poder Executivo ficou com a maior fatia da peça orçamentária, o equivalente a R$ 1.550.472.379.

Os demais poderes tiveram a cifra de R$ 145.471.362,00, sendo R$ 104,8 milhões para a Assembleia Legislativa e outros R$ 40 milhões para o Tribunal de Contas do Estado. O restante é dividido entre os Fundos de Modernização das duas instituições.

O Poder Judiciário deve contar com R$ 99,4 milhões, o Ministério Público Estadual com R$ 49,3 milhões e a Defensoria Pública do Estado com R$ 16,5 milhões. A previsão é que alguns parlamentares devem apresentar emendas à LDO.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.