Governo Dilma é improvisado, ineficiente e sem comando, diz Aécio

Senador tucano atacou a presidenta ao ser questionado sobre a política do governo para os aeroportos do País

Denise Motta, iG Minas Gerais |

Divulgação/Governo de Minas
Aécio Neves e Antonio Anastasia durante encontro nesta tarde, em Minas
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) disse na tarde desta sexta-feira que a "ineficiência vem se tornado a marca" de Dilma Rousseff (PT). Ele avalia que a gestão petista na Presidência da República é feita de “improviso” e com “falta de comando”. A declaração de Aécio foi feita quando o ex-governador de Minas foi questionado sobre a indefinição da política de concessão de aeroportos do governo federal à iniciativa privada.

“O governo mostra que não planeja. O governo, no ponto de vista da gestão, é extremamente frágil. Eu acho que é ineficiência, falta de comando, de decisão, de pessoas que pensem as coisas de forma planejada. A ineficiência, cada vez mais, vem se tornando a marca deste governo, que não investiu nada na gestão pública de qualidade”, disparou, após defender parcerias do poder público com a iniciativa privada porque “o Estado brasileiro não tem condições de fazer, com os recursos necessários e na velocidade necessária, todos investimentos.

Aécio lembrou novamente que havia sugerido ao então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) um formato de parceria público-privada (PPP) para reformar e ampliar o aeroporto de Confins, na Grande Belo Horizonte, mas a ideia, segundo ele, foi rejeitada.

O senador esteve reunido com o governador de Minas, Antonio Anastasia (PSDB), nesta sexta-feira. No começo do mês, Anastasia elogiou Dilma por ceder os aeroportos a empresas privadas.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG