Governo afasta segundo diretor de órgão de transportes em 15 dias

Interino que assumiu Dnit no lugar de Pagot também é retirado do cargo após divulgação de notícias sobre esquema de corrupção

iG Brasília |

O ministério dos Transportes decidiu afastar temporariamente o diretor executivo do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), José Henrique Sadok de Sá. A decisão, divulgada em nota oficial nesta sexta-feira, saiu após a publicação de denúncias contra ele na edição de hoje do jornal "O Estado de S. Paulo".

Segundo o jornal, a Construtora Araújo Ltda., que tem como sócia a mulher de Sadok, Ana Paula Batista Araújo, ganhou contratos que somam R$ 18 milhões para obras em rodovias federais em Roraima entre 2006 e 2011. Todos esses contratos seriam ligados ao Dnit.

Ainda segundo o jornal, as obras envolvidas nos contratos entre a Araújo e o Dnit tiveram aditivos de prazos e valores. Ao jornal, Sadok afirmou que "as obras são de licitação legítima do Estado". Ele disse, ainda, que não exerça influência nos negócios da mulher. "Não vejo conflito de interesse", disse ao "Estado".

Sadok assumiu a diretoria-geral do Dnit de maneira interina após o afastamento de Luiz Antonio Pagot, que é alvo de denúncias por corrupção à frente do órgão. Pagot foi afastado do cargo no dia 3 de julho, depois de revelado pela revista "Veja" o funcionamento de esquema que envolvia pagamento de proprina nos Transportes.

Na nota de hoje, o ministério dos Transportes informa que também constituiu Comissão de Processo Administrativo Disciplinar para apuração dos fatos noticiados pelo jornal.

Leia a íntegra da nota:

O ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, decidiu afastar temporariamente o diretor-executivo do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT), José Henrique Coelho Sadok de Sá, que estava respondendo pela Diretoria Geral do órgão. Ao mesmo tempo, constituiu Comissão de Processo Administrativo Disciplinar para apuração dos fatos noticiados pelo jornal Estado de São Paulo, na edição do dia 15 de julho de 2011

    Leia tudo sobre: dnitsadokministério dos transportespagot

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG