Ele é suspeito de participar do assassinato do ex-prefeito da cidade paulista; ex-secretário municipal também foi preso

selo

A Polícia Civil de São Paulo prendeu nesta quinta-feira (23) mais um suspeito pela morte do ex-prefeito de Jandira, Braz Paschoalin. O detido é ex-policial e seu nome não foi divulgado.

Até agora, sete suspeitos de envolvimento com a morte de Paschoalin já foram detidos.

O secretário da Segurança Pública do Estado, Antonio Ferreira Pinto, se reuniu na tarde desta quinta-feira (23) com a prefeita da cidade, Anabel Sabatine, na sede do município, e anunciou que o policiamento em Jandira será reforçado nos próximos dias. Ferreira Pinto declarou estar otimista com a atuação da polícia e espera que seja possível esclarecer não só este, como outros crimes políticos ocorridos na cidade.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.