Presidenta aproveitou encontro do Conselho Político que falaria sobre economia para pedir união da base

selo

A presidenta Dilma Rousseff aproveitou a reunião do Conselho Político, hoje, no Palácio do Planalto, para se aproximar de seus aliados em meio ao um clima de beligerância com o governo depois da "faxina" em órgãos e ministérios comandados pelos partidos políticos que apoiam o Planalto.

A situação na base foi agravada ontem pela ação da Polícia Federal (PF) no ministério do Turismo, que resultou na prisão de mais de 30 pessoas . Compõem o Conselho Político o presidente e líderes partidários da base aliada. Originalmente, a reunião de havia sido marcada com o objetivo de tratar da crise econômica internacional. 

Tema original da reunião do conselho nesta quarta-feira seria a crise econômica internacional
AE
Tema original da reunião do conselho nesta quarta-feira seria a crise econômica internacional

"Temos ministros competentes, temos um vice-presidente com grande capacidade política, temos uma base aliada ampla, mas precisamos estreitar nossas relações", disse a presidenta, segundo informou o líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (RN).

Segundo o líder, Dilma disse que a liderança de um país como Brasil é da presidente da República, mas que ela tem consciência de que essa liderança é exercida em conjunto com os agentes políticos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.