Eduardo Campos sai em defesa de aliança PT-PSB-PSDB em Minas

Em visita ao Rio, governador de Pernambuco diz que aliança é apoiada pela população mineira

AE |

O governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, saiu nesta segunda-feira em defesa da repetição da aliança entre socialistas, petistas e tucanos na disputa pela Prefeitura de Belo Horizonte. O prefeito Marcio Lacerda (PSB), cujo vice é do PT, tenta reeditar na disputa municipal do ano que vem a união de forças também com o PSDB, que o colocou no cargo em 2008.

AE
Presidente do PSB disse que aliança tem apoio da população

"Esta aliança é aprovada pela população de Belo Horizonte", afirmou o governador. "Esse debate não pode ser dado como uma rinha de galo e na base da torcida", disse Eduardo Campos, contrário ao debate realizado pelo PT no último fim de semana, cogitando o veto a alianças com partidos que não estão na base do governo Dilma Rousseff .

O governador pernambucano esteve no Rio para um seminário sobre a crise econômica internacional e participou da solenidade de filiação ao PSB do ex-ministro da Saúde José Gomes Temporão e do pianista Artur Moreira Lima.

*Com informações da Agência Estado

    Leia tudo sobre: minas geraismárcio lacerda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG