Eduardo Campos é reeleito presidente nacional do PSB

Eleição aconteceu durante o 22º Congresso Nacional do partido, realizado em Brasília

Agência Brasil |

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, foi reeleito neste sábado (3) presidente nacional do PSB, durante o 22º Congresso Nacional do partido, que está sendo realizado desde sexta-feira (2) em Brasília. Também foram eleitos por unanimidade o novo Diretório Nacional e os Conselhos de Ética e Fiscal.

Para a presidência de honra foi eleito Ariano Suassuna. “Sou um contador de história, e esse é um cargo político de muita honra. Nesta oportunidade, encerro a minha vida política neste cargo”, disse o escritor autor de obras como "O Auto da Compadecida". Ao anunciar os novos dirigentes partidários, o vice-presidente da legenda, Roberto Amaral, declarou que Eduardo Campos é a pessoa que norteia o congresso do partido.

AE
O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, durante o 12º Congresso do Partido Socialista Brasileiro, em Brasília, na sexta-feira (2)

Campos defendeu, no congresso dos socialistas, a desoneração do preço das passagens do transporte público, como uma alternativa para solucionar o problema da mobilidade urbana nos grandes centros urbanos. “A gente vê desoneração de impostos para carro, para passagem de avião. Temos que discutir a isenção das passagens de ônibus, 50% do valor delas são de impostos”.

O governador pernambucano disse ainda que o partido está discutindo as alianças para as eleições municipais do ano que vem e que acredita que o PSB vai crescer muito. Segundo ele, é enfrentando os problemas sociais e urbanísticos das cidades que o partido vai se preparar para as próximas eleições. “É preciso reconhecer, o que o PSB sabe fazer é governar. E não vamos para as ruas disputar poucas prefeituras. Vamos disputar mais de 1.500”.

    Leia tudo sobre: Eduardo CamposPSB

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG