Dutra tenta acalmar petistas na disputa pela Câmara

Há um mal-estar na bancada por causa da disputa acirrada entre quatro petistas pela indicação do candidato da sigla à presidência

Agência Estado |

selo

O presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, vai participar hoje à tarde da reunião dos parlamentares do partido na Câmara dos Deputados. Há um mal-estar na bancada por causa da disputa acirrada entre quatro petistas pela indicação do candidato da sigla à presidência da Casa. Disputam a vaga o atual líder do governo, Cândido Vaccarezza (PT-SP), os ex-presidentes Arlindo Chinaglia (PT-SP) e João Paulo Cunha (PT-SP) e o vice-presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS). Vaccarezza tem a simpatia de Dutra e já iniciou conversas com lideranças do PMDB sobre a divisão do comando da Casa, mas não tem o aval da bancada.

Dutra buscará unificar a legenda em torno de um nome a fim de evitar o erro de 2005. Naquele ano, o então presidente do PT, José Genoino, impôs a indicação do deputado Luiz Eduardo Greenhalgh, enquanto a maioria da bancada preferia o mineiro Virgílio Guimarães. O resultado dessa divisão foi a eleição do candidato independente Severino Cavalcanti (PP-PE), que acabou renunciando ao cargo por causa do escândalo do chamado "mensalinho".

    Leia tudo sobre: CâmaraJosé Eduardo Dutra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG