Dornelles preside comissão da reforma política

Comissão no Senado tem o prazo de 45 dias para elaborar um projeto de reforma.

AE |

selo

O senador Francisco Dornelles (PP-RJ) vai presidir a comissão da reforma política criada pelo presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), para tentar dar andamento ao tema. A comissão tem o prazo de 45 dias para elaborar um projeto de reforma.

O colegiado poderá contar com a ajuda de 10 "especialistas" para ajudar na construção do texto, mas eles não poderão ser remunerados. A Câmara também terá uma comissão sobre o mesmo tema, que deve ser instalada na próxima semana.

Farão parte da comissão os senadores Aécio Neves (PSDB-MG), Fernando Collor (PTB-AL), Itamar Franco (PPS-MG), Demóstenes Torres (DEM-GO), Roberto Requião (PMDB-PR), Luiz Henrique (PMDB-SC), Wellington Dias (PT-PI), Jorge Viana (PT-AC), Pedro Taques (PDT-MT), Antônio Carlos Valadares (PSB-SE) e Eduardo Braga (PMDB-AM). São suplentes os senadores Humberto Costa (PT-PE), Vital Filho (PMDB-PB), Waldemir Moka (PMDB-MS), Aloysio Nunes (PSDB-SP), Ana Amélia Lemos (PP-RS) e Vicentinho Alves (PR-TO).

    Leia tudo sobre: reforma políticaFrancisco DornellesSenado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG