Dilma reitera compromisso com liberdade de imprensa

Presidenta participou da festa pelos 90 anos do jornal "Folha de S.Paulo"

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

A presidenta da República, Dilma Rousseff , reiterou seu compromisso com a liberdade de imprensa na noite desta segunda-feira, durante a cerimônia de 90 anos do jornal “Folha de S.Paulo”, na capital paulista.

“Prefiro um milhão de vezes os sons das vozes críticas de uma imprensa livre ao silêncio”, disse Dilma, repetindo um dos bordões da campanha eleitoral.

Segundo Dilma, a liberdade de expressão e de imprensa é um dos pilares fundamentais da democracia, com a qual a presidenta também reiterou seu compromisso.

Vítima de torturas durante a ditadura militar, Dilma lembrou que a imprensa foi vítima de censura de vários regimes políticos no País. Segundo ela, o “Correio Braziliense”, o primeiro jornal brasileiro, foi impresso na Inglaterra por causa da censura, e encerrou seu discurso com um elogio aos profissionais da imprensa.

“A maior parte de tempo a imprensa brasileira sempre conviveu com algum tipo de censura. De Líbero Badaró a Wladimir Herzog, ser jornalista no Brasil tem sido um ato de coragem”, disse Dilma.

A cerimônia realizada na Sala São Paulo reuniu grande parte da elite política brasileira. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin , e o prefeito, Gilberto Kassab, vários governadores, ministros e parlamentares também participaram do evento.

Além de Dilma, os ex-presidentes José Sarney, Fernando Collor de Melo e Fernando Henrique Cardoso estiveram na cerimônia.

Fernando Henrique e o candidato derrotado do PSDB à Presidência, José Serra , receberam cumprimentos especiais da presidenta.

    Leia tudo sobre: Dilma Rousseffliberdade de imprensafesta

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG