Dilma não tem liderança, diz presidente do PSDB

O senador Sérgio Guerra atacou a pré-candidata do PT à Presidência durante debate com o presidente do PT, José Eduardo Dutra

iG São Paulo |

AE
José Eduardo Dutra e Sérgio Guerra participam de debate
O presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra, atacou a pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, durante debate realizado hoje com o presidente do PT, José Eduardo Dutra, promovido pelo Grupo Estado. "Dilma não tem liderança. Nunca a demonstrou", disse. "Eu não tinha ouvido falar em Dilma antes de o presidente Lula anunciá-la. Nem eu nem o Brasil."

No debate, o tucano disse que a preocupação de sua legenda não é tanto com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, cuja maior qualidade seria a liderança. "A preocupação é com o PT sem o Lula, é com a Dilma", destacou.

No início do debate, o tucano disse que o PSDB também é de esquerda. Guerra repetiu o candidato de seu partido à Presidência, José Serra, que hoje disse ser de esquerda, "do ponto de vista convencional".

Sobre a desistência do deputado Ciro Gomes (PSB) de concorrer à Presidência, Dutra negou que o PT tenha trabalhado para aniquilar a candidatura. Segundo o petista, o partido apenas defendeu uma candidatura única da base governista, e as alianças com o PCdoB e o PDT para viabilizar Ciro não ocorreram. Guerra respondeu que o PT estava fazendo o mesmo em São Paulo para inviabilizar a candidatura de Paulo Skaf (PSB) ao governo estadual. “É impressionante como o PSDB tomou as dores do Ciro”, disse Dutra.

Guerra reivindicou ainda a paternidade da principal bandeira do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, o Bolsa Família. De acordo com o tucano, o programa começou a ser criado no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). "Dizer 'nunca antes na história' é uma fraude. Tudo é uma construção", afirmou Guerra, elogiando a atuação de Lula na área social.

Dutra respondeu com ironia: "Recebo com muita alegria esse elogio ao Bolsa Família, pena que seja um pouco tarde." O petista causou risos na plateia ao dizer que, quando o programa foi criado, o ex-governador de Pernambuco Jarbas Vasconcelos reclamou de ter perdido o garçom de seu bar preferido no Nordeste por causa do Bolsa Família. Segundo Dutra, o PT não tem a pretensão de dizer que criou sozinho projetos como o Bolsa Família.

Ficha suja

Outro momento de risos entre o público foi quando Guerra e Dutra disseram que já colocaram o projeto Ficha Limpa em prática com seus candidatos, assim como fez o PV de Marina Silva. “Não vamos ter ninguém com ficha suja”, disse o tucano, seguido pelo petista.

A respeito de um futuro mandato de Dilma, o presidente do PT garantiu que o partido não fará uma nova reforma da Previdência, mas apenas ajustes. Já o líder do PSDB disse que seu partido quer juros menores e câmbio melhor para os exportadores.

    Leia tudo sobre: eleições 2010

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG