De olho na eleição, Serra pede informações sobre prefeitura de SP

Ex-governador vem dando sinais de que se dispõe a entrar na corrida municipal e acompanha negociações por meio de aliados

AE |

selo

O ex-governador José Serra fez pelo menos dois movimentos concretos na última semana para sinalizar aos aliados a possibilidade de rever a posição e disputar a Prefeitura de São Paulo. Primeiro, pediu ao ex-secretário de Fazenda e hoje titular da Secretaria Municipal de Finanças, Mauro Ricardo, informações detalhadas de todas as contas da Prefeitura. Depois, procurou outro ex-colaborador - o chefe da Casa Civil do governo estadual, Sidney Beraldo - para saber como está a negociação das alianças para a disputa municipal. Os sinais foram a senha para desencadear a "operação segura Kassab" no PSDB.

AE
Ex-governador estaria empenhado em operação 'segura Kassab'
Análise: Serra e Kassab estão fazendo o PT de bobo?

Articulação:
Direção do PSDB diz ver chance concreta de candidatura de Serra

Serra está convencido de que uma aliança do prefeito da capital e presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, com o PT do ex-presidente Lula é "uma viagem sem volta", que pode terminar com o ex-aliado no ministério da presidenta Dilma Rousseff .

Foi movido pela certeza de que a Prefeitura de São Paulo é estratégica para as oposições, e que uma vitória do PT na capital paulista é prenúncio de massacre da oposição em nível nacional, que Serra estaria considerando participar da disputa.

Mas isto não significa que ele estará na corrida municipal em qualquer cenário. Ao contrário. O ex-governador quer ser convocado pelo PSDB para a missão partidária e exige que a cúpula tucana crie condições para que ele assuma a candidatura. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: eleições 2012josé serrapsdb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG