Marcos Lula chama jornal de 'sujo', leitores de 'jumentos' e reclama da internet na base militar no Guarujá-SP

Beneficiado com um passaporte diplomático no apagar das luzes do governo Luiz Inácio Lula da Silva, Marcos Cláudio, filho do primeiro casamento da ex-primeira-dama Marisa Letícia, partiu para o ataque contra a imprensa na internet, a partir do Forte dos Andradas, no Guarujá, onde passa férias com a família. O iG antecipou que Lula passaria temporada de férias na base militar e questionou o Exército se as instalações da corporação para temporadas de veraneio é uma prerrogativa dos ex-presidentes .

Marcos, que adotou a alcunha Marcos Lula para tentar se candidatar a vereador pelo PT de São Bernardo do Campo (candidatura vetada pelo TRE devido ao parentesco com o presidente), usou o microblog Twitter para atacar a imprensa e leitores com palavras como “lixo”, “suja”, “ridículos” e “jumentinho”.

A reação de Marcos Lula começou às 18h, com um ataque à Folha de S. Paulo , jornal que revelou o caso dos passaportes diplomáticos.

“A @Folha Poder é um lixo, os seguidores da doutrina de acabar com o Brasil são piores ainda. Só pessoas com baixa inteligência crêem no PIG (Partido da Imprensa Golpista, expressão cunhada pelo jornalista Paulo Henrique Amorim)”, disse ele.

Depois, disse que “nunca usamos em oito anos de governo democrático nem usaremos” sem esclarecer se o objeto em questão é o passaporte.

Segundo ele, graças ao governo de Lula hoje “os brasileiros são recebidos com carinho em qualquer lugar do mundo”.

Na sequência Marcos Lula reclamou da qualidade da conexão à internet no forte do Exército, se desculpou por não responder todas perguntas e voltou à carga. “O fato real é não ler esses artigos ridículos da Folha de S. Paulo e deixar só os jumentinhos continuarem crendo e seguindo... Minoria sempre”.

Pelo Twitter o iG questionou Marcos Lula sobre o caso dos passaportes. Ele não respondeu. O filho do presidente também foi procurado por telefone mas não atendeu.

    Leia tudo sobre: lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.