CNI/Ibope: segurança, saúde e tributação têm notas ruins

Parcela de 49% desaprova as ações na áreas de segurança pública, enquanto 44% aprovam

AE |

O governo Dilma Rousseff foi desaprovado em três áreas de atuação, segundo a pesquisa CNI/Ibope divulgada hoje. De acordo com o levantamento, as ações do novo governo nas áreas de segurança pública, saúde e tributação não estão agradando a população.

Dos entrevistados, parcela de 49% desaprova as ações na áreas de segurança pública, enquanto 44% aprovam. Os 6% restantes não sabem ou não responderam.

Em relação às políticas de saúde, 53% desaprovam, 41% aprovam e 5% não sabem ou não responderam. A atuação do governo em relação à cobrança de impostos recebeu 53% de desaprovação e 36% de aprovação. Outros 11% não sabem ou não responderam. Na área de educação, as políticas do governo foram aprovadas por 52% dos entrevistados e desaprovadas por 43%.

As políticas de combate à fome e à pobreza, segundo a pesquisa CNI/Ibope, apresentam a maior diferença entre os porcentuais de eleitores que aprovam (61%) e os que desaprovam (33%). Por fim, as ações de governo na área de meio ambiente são aprovadas por 54% dos entrevistados e desaprovados por 36% dos brasileiros.

A pesquisa CNI/Ibope foi realizada entre os dias 20 e 23 de março e ouviu 2.002 pessoas em 141 municípios. A margem de erro é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos.

    Leia tudo sobre: Dilma RousseffCNI/Ibopepesquisa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG