Cid Gomes divulga foto de encontro com ministro dos Transportes

Alfredo Nascimento, titular da pasta, disse que nunca tinha sido procurado pelo governador do Ceará

Daniel Aderaldo, iG Ceará |

O governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), divulgou nesta terça-feira (10) uma fotografia de audiência realizada em 29 de outubro de 2008 na qual aparecem ele e o ministro Alfredo Nascimento examinando o mapa do Ceará.

Como mostrou a coluna Poder Online, do iG , no último sábado (7) Cid reclamou da situação dos trechos das estradas federais do Ceará e disse que o Ministério do Transportes é “um antro de corrupções”. Nesta terça, em entrevista ao iG , Cid afirmou ainda que a pasta é um "feudo do PR" , em referência ao partido do ministro. Diante das afirmações, o ministro divulgou uma nota afirmando que “em momento algum o dirigente estadual procurou pelo ministro ou outro dirigente da pasta para tratar das estradas federais”.

Divulgação/Governo do Ceará
Cid Gomes e o ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento
Hoje, no Ceará, Cid declarou: "Era só o que faltava transformar uma situação real, que é o estado das estradas, numa polêmica diletante. Ele  deve ter o registro lá das audiências que tivemos. Eu estive como governador pelo menos duas ou três vezes no exercício do mandato passado".

Segundo Cid, Nascimento “falta com a verdade”. "No mais é retórica, e eu não quero, nem gosto nem é da minha tradição estar envolvido em polêmica, em disse me disse, em ti-ti-ti ou em confusões”, declarou.

Cid também reiterou os adjetivos “inepto” e “corrupto” usados por ele para se referir ao Ministério dos Transportes. “Reafirmo absolutamente tudo o que disse. O que quero e me sinto na obrigação é de expressar um sentimento de desconforto da população do Estado do Ceará. Não faço isso por que gosto de polêmica”.

O chefe do executivo cearense afirmou ainda que não pretendia “ganhar manchetes de jornais” com as declarações, e sim chamar atenção para a situação das estradas federais que cortam o Ceará. “Senti a obrigação de fazer uma declaração dura como a situação requer. Quem anda nas BRs pelo Brasil pode dar testemunho de que não há em todos os Estados do Brasil uma situação tão precária, tão deteriorada, e isso precisa ser mudado".

Agora, o governador cearense deseja tratar do assunto apenas com a presidente da República, Dilma Rousseff (PT). “Não vou mais procurar esse ministro. Já procurei diversas vezes e não vi consequência nos encontros que tive com ele. Na primeira oportunidade que tiver vou falar com a presidente Dilma para ter uma atenção especial em relação ao Ceará”.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG