Em encontro, novo ministro da Defesa se apresentará oficialmente e acertará detalhes da posse, prevista para segunda-feira

O novo ministro da Defesa, Celso Amorim, se reúne às 16h deste sábado com os comandantes das Forças Armadas, em Brasília. O encontro, que acontece no Palácio do Planalto, serve para Amorim se apresentar oficialmente ao comando militar brasileiro já como ministro da pasta.

Segundo a assessoria de imprensa da Defesa, estarão presentes o general Enzo Peri (Exército), o brigadeiro Juniti Saito (Aeronáutica), o almirante Júlio Soares de Moura Neto (Marinha) e o general José Carlos De Nardi (Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas), além de assessores do ex-ministro Nelson Jobim, que antecedeu Amorim na pasta.

Antes da reunião no Planalto, Amorim se encontrou com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio da Alvorada. O encontro com os militares também servirá para acertar detalhes da cerimônia de posse do novo ministro, previsto para segunda-feira.

Ex-chanceler nos dois mandatos de Lula, Amorim foi nomeado para a Defesa após Jobim deixar o cargo na última quinta-feira, depois de uma sucessão de declarações polêmicas sobre o governo e colegas de Esplanada.

A gota d'água foi uma reportagem publicada pela revista Piauí , na qual Jobim diz que a ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) é "fraquinha" e que Gleisi Hoffmann (Casa Civil) "nem conhece Brasília". Jobim, que estava em viagem oficial a Tabatinga, no Amazonas, antecipou sua volta a Brasília para se reunir com Dilma. Antes mesmo de o ministro desembarcar, a presidenta avisou que lhe daria a oportunidade de tomar a iniciativa de pedir demissão do cargo. Caso contrário, ela mesma o demitiria.

Com a demissão de Jobim, a presidenta perde o terceiro integrante do primeiro escalão de seu governo em apenas dois meses. No início de julho, o ex-chefe da Casa Civil Antonio Palocci deixou o cargo sob denúncias de suposto enriquecimento ilícito. Em junho, foi a vez de Alfredo Nascimento deixar os Transportes, sob acusação de integrar um esquema de corrupção comandado pelo PR.

Dilma com Amorim em Brasília
AE
Dilma com Amorim em Brasília

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.