Cansado, Lula troca jantar com Dilma por arroz e carne moída

Sentindo a fadiga provocada pela quimioterapia, ex-presidente não acompanhou Dilma em jantar ontem na casa do médico Roberto Kalil

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

Sorridente e animado, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu na noite de ontem a visita da presidenta Dilma Rousseff em seu apartamento em São Bernardo do Campo. O ex-presidente, que passa por quimioterapia contra câncer de laringe , ainda não sente os efeitos colaterais mais severos do tratamento, como náuseas e perda de cabelo. A fadiga, no entanto, tem impedido Lula de participar de atividades.

Convidado para um jantar com Dilma em homenagem a seu médico pessoal Roberto Kalil, Lula preferiu ficar em casa. O cardápio preparado pela ex-primeira-dama Marisa incluía arroz, carne moída, purê de batatas e ovo.

"Ele está recuperando o apetite, sentindo o gosto da comida e queria até comer uma picanha", comentou ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, que conversou com o ex-presidente ontem.

Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Lula brinca com o ministro da saúde ao lado de Dilma e da ex-primeira-dama Marisa

Leia também:
- Tratamento não deverá afetar uma das marcas de Lula, a barba
- Por Lula, Chico Buarque até torceu pelo Corinthians

Lula, que havia confirmado presença, se ausentou hoje da posse de Kalil , que assumiu uma cadeira como professor titular do Departamento de Cardiopneumologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

Apesar do cansaço, Lula tem demonstrado boa disposição. "Como médico, fiquei impressionado. Ele ( Lula ) está muito bem", disse o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que acompanhou Dilma na visita que durou cerca de uma hora e meia. Segundo o ministro, o ex-presidente está muito animado. Dilma também afirmou, ontem, que Lula "está bem" .

Romaria

Mesmo evitando sair de casa, o ex-presidente continua articulando sobre as eleições municipais de 2012 . Ele tem recebido diversas visitas de amigos e políticos desde que foi diagnosticado com câncer.

Hoje, Lula deve receber as visitas do presidente da Câmara, Marco Maia, e do presidente do Senado, José Sarney. Além de Dilma e Padilha, ele recebeu ontem o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, e o titular do Tribunal de Contas da União, José Múcio Monteiro Filho.

Na semana passada, Lula recebeu em seu apartamento a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, e do prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho (PT).

AE
Usando máscara, ex-presidente aparece na janela de seu apartamento, em São Bernardo do Campo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG