Câmara: líderes se reúnem amanhã para tentar desobstruir a pauta

Onze medidas provisórias trancam a agenda de votações desde a interrupção dos trabalhos por causa das eleições

Agência Brasil |

Os líderes partidários da Câmara dos Deputados se reúnem amanhã para definir a pauta de votações do plenário, que está trancada por 11 medidas provisórias desde a interrupção dos trabalhos por causa das eleições. A primeira sessão de votações da semana está prevista somente para as 16h de amanhã, após o encontro das lideranças.

Na semana passada não houve quórum para votações no plenário e nas comissões, pois a maioria dos deputados ainda não havia retornado para Brasília. Hoje, a única atividade prevista era uma sessão solene, às 10h, em homenagem aos 90 anos da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha. Amanhã, às 11h30, haverá outra sessão solene, desta vez em homenagem ao político Joaquim Nabuco, um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras.

Enquanto os deputados não votarem as medidas provisórias que se acumularam nos últimos meses, não poderão analisar outras matérias pendentes, como os projetos do pré-sal. Já as medidas provisórias que impedem as votações no plenário tratam, entre outros assuntos, da liberação de empréstimos para os municípios que sediarão a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016 no Brasil.

    Leia tudo sobre: câmaravotaçõespauta

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG