Ausência de parlamentares prorroga votação de lei orçamentária

Governo ainda espera que comissão mista avalie LDO de 2012 até o período de recesso, que começa dia 15

Danilo Fariello, iG Brasília |

Deputados e senadores da base aliada do governo esvaziaram novamente a reunião da Comissão Mista de Orçamento (CMO) e levaram para a próxima semana a apreciação do texto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2012.

O relatório de autoria do deputado Márcio Reinaldo Moreira (PP-MG) já está pronto. A próxima reunião da CMO está prevista para terça-feira (5).

Há três semanas, o presidente da CMO, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), tenta colocar em apreciação o tema, que tem de ser aprovado pelo Congresso até o dia 15 de julho, pelo regimento. É no dia 15 que começa o recesso parlamentar do meio do ano.

A falta de quórum para avaliar o tema é motivada por uma retaliação de parlamentares da base, principalmente senadores, às indicações do governo de corte do pagamento de restos a pagar ainda de 2009, que vencem amanhã para obras ainda não iniciadas.

O governo, porém, acredita que ainda que a LDO será aprovada até o dia 15. O deputado Gilmar Machado (PT-MG), que representa o governo na CMO, acredita que haverá tempo para debater e aprovar a LDO antes do recesso. “Trabalhamos firme para isso”, diz.

    Leia tudo sobre: ldo 2012cmogilmar machado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG