Alencar passa bem, mas segue internado na UTI

Ex-vice-presidente, que luta contra o câncer há 13 anos, voltou ao hospital na quarta-feira

Agência Estado |

selo

O ex-vice-presidente José Alencar passou bem durante a madrugada deste sábado, mas segue internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Sírio-Libanês. De acordo com o oncologista Paulo Hoff, que que integra a equipe de médicos responsável pelo caso, o ex-vice-presidente por nova hemodiálise na manhã de hoje e seu estado apresentou poucas modificações nas últimas horas.

O ex-vice-presidente voltou a ser internado no Sírio-Libanês na última quarta-feira, devido a um quadro de peritonite (inflamação do peritônio, membrana que reveste a cavidade abdominal), causada por uma perfuração intestinal. Alencar luta há 13 anos contra um câncer no abdômen e já passou por diversas cirurgias. "Alencar permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), lúcido", afirmou o médico.

O ex-vice-presidente não está fazendo uso de sedativos. De acordo com o médico, a possibilidade de Alencar ser transferido para um quarto chegou a ser cogitada. A transferência, entretanto, não ocorreu. "Existe a possibilidade de ele ser transferido para o quarto nos próximos dias", destacou o médico, que classificou o quadro clínico de Alencar como "bastante delicado".

Alencar está acompanhado de sua esposa, Marisa, e permanece com alimentação à base de soro. De acordo com Hoff, Alencar passa bem e está na expectativa do jogo entre Brasil e Uruguai, pelo Sul-americano Sub-20. A partida acontece na madrugada de hoje para amanhã e o Brasil depende apenas de um empate para garantir a vaga para disputar os Jogos Olímpicos de futebol masculino no próximo ano.

Segundo Hoff, a possibilidade de Alencar passar por intervenções cirúrgicas está "completamente descartada". Os únicos exames aos quais o ex-vice-presidente está sendo submetido são os de sangue. As visitas permanecem controladas. A possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva visitar Alencar neste final de semana não foi comentada por Hoff.

    Leia tudo sobre: alencarcirurgiascancer

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG