'Alencar é surpreendente', diz Aécio em visita a vice-presidente

Em passagem por São Paulo, senador eleito ainda tem encontro com aliados e com senadores tucanos

Nara Alves, iG São Paulo |

O senador eleito Aécio Neves (PSDB-MG) aproveitou sua viagem à capital paulista para visitar o seu conterrâneo, o vice-presidente da República, José Alencar, internado no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, desde 23 de novembro.

“Alencar me surpreende, porque as notícias que a gente tem são de que a situação é grave, mas ele estava sentado conversando”, contou Aécio após sair do hospital no final da manhã desta terça-feira (7). Aécio se disse surpreendido por conta da lucidez apresentada pelo vice-presidente, que consegue explicar tudo sobre seu tratamento, bem como dar detalhes de seu estado de saúde.

Segundo o ex-governador mineiro, os dois conversaram sobre sua nova biografia "José Alencar - Amor à Vida", escrita pela jornalista Eliane Cantanhede e lançada no início de dezembro em São Paulo (SP), e sobre a situação em Minas Gerais. “Foi uma conversa entre amigos”, pontuou Aécio, destacando que Alencar está “doido para ir para casa”.

De acordo com o médico Raul Cutait, que acompanhou a visita, Alencar deve ir para o quarto nos próximos dias e deve voltar para casa na próxima semana. Segundo Cutait, o vice-presidente descerá a rampa do palácio com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva . “Se depender da gente, ele vai”, disse o médico.

Aécio Neves chegou ontem à capital paulista e almoçou com o governador eleito Geraldo Alckmin. No encontro, o primeiro desde a eleição, os tucanos discutiram o futuro da oposição, principalmente o papel do PSDB como opositor ao governo. Ambos defenderam a reformulação das propostas defendidas pela legenda. Depois do almoço com Alckmin, o senador eleito encontrou-se com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e participou da gravação do programa Roda Viva, da TV Cultura.

Hoje o senador deve jantar com o governador reeleito de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), e se encontrar também com o governador eleito do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB). Depois, tem previsão de se reunir com os senadores tucanos, incluindo Ségio Guerra, para participar da reunião da bancada do PSDB na Câmara. O ex-governador José Serra ficou de fora da agenda do senador eleito na capital paulista.

Tratamento
Alencar continua internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Cardiológica, segundo a assessoria de imprensa do hospital Sírio-Libanês. De acordo com último boletim divulgado, na última terça-feira (30), Alencar havia apresentado piora na função renal e teve de ser submetido a sessões de hemodiálise.

Alencar se recupera de uma cirurgia para corrigir uma obstrução intestinal realizada no dia 27 de novembro. As equipes médicas que acompanham o vice-presidente são coordenadas pelos médicos Raul Cutait, Ademar Lopes, Paulo Hoff, Roberto Kalil Filho e Paulo Ayroza Galvão. O vice-presidente trata um câncer na região do abdômen e já acumula 16 cirurgias.


    Leia tudo sobre: josé alencaraécio nevespsdb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG