Partido cria conselho político para acomodar ex-governador de São Paulo

Depois de uma intensa negociação, o senador Aécio Neves (MG) e o ex-governador José Serra (SP) fecharam um acordo sobre a composição da nova executiva, segundo tucanos. O PSDB realiza desde as 9h deste sábado sua 10ª Convenção Nacional , em meio a disputas internas entre os grupos mineiro e paulista.

O PSDB criou um conselho político que será presidido pelo ex-governador José Serra (SP). O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (SP), o governador Geraldo Alckmin (SP), o senador Aécio Neves (MG), o presidente reeleito do PSDB e deputado, Sérgio Guerra (PE), e o governador Marconi Perillo (GO) também farão parte do conselho. O ex-governador Tasso Jereissati (CE) ficou com a presidência do Instituto Teotônio Vilela, órgão tucano com orçamento de R$ 11 milhões. 

A reunião que selou o acordo aconteceu na manhã de hoje na residência do líder do PSDB na Câmara, deputado Duarte Nogueira (SP), ligado ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.