Tamanho do texto

Candidato á Presidência pelo PSL está sem febre ou sinais de infecção

Reprodução/Twitter
"Deus no comando!", afirmou o candidato Jair Bolsonaro na legenda da foto que compartilhou em sua rede social

Na tarde deste sábado (15), o candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro, do PSL, publicou sua primeira foto após a cirurgia de emergência para desobstruir uma aderência das paredes do intestino. O deputado federal levou uma facada durante um comício no dia 6 em Juiz de Fora, Minas Gerais.

“Deus no comando!”, afirma Bolsonaro na legenda da foto que em três horas conseguiu mais de 2 mil comentários, 3,5 mil retuítes e 23 mil curtidas. Na imagem, quase não é possível ver o rosto do candidato, já que o quarto está escuro, mas as sombras o mostram com as pernas cruzadas e o semblante mais sério. 

De acordo com boletim médico divulgado pela manhã , o candidato está sem febre ou sinais de infecção. O estado de saúde é estável, mas ele permanece internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo.

O centro médico informou também que o deputado evolui sem dor e recebe tratamento para prevenção de trombose venosa. Sessões de fisioterapia, incluindo exercícios respiratórios e de fortalecimento muscular serão mantidas.

A cirurgia emergencial de quarta-feira durou cerca de uma hora. O candidato sofreu uma "distensão abdominal progressiva e náuseas, e foi submetido a uma tomografia de abdômen que evidenciou presença de aderência obstruindo o intestino delgado" e, por isso, foi indicado o tratamento cirúrgico. A operação foi bem sucedida e as aderências na parede intestinal do candidato foram liberadas, de acordo com a equipe médica.

Ataque ao candidato Jair Bolsonaro

Jair Bolsonaro foi atingido por uma facada na região abdominal no último dia 6 de setembro durante um comício
Reprodução/Twitter
Jair Bolsonaro foi atingido por uma facada na região abdominal no último dia 6 de setembro durante um comício

O  deputado federal e candidato à Presidência da República foi atingido por uma facada na região abdominal no último dia 6, quando participava de um comício Juiz de Fora (MG). O autor do ataque, Adelio Bispo de Oliveira, foi detido na sequência.

O deputado foi encaminhado para a Santa Casa de Juiz de Fora, onde passou por uma cirurgia de emergência, recebeu uma transfusão de sangue e colocou uma bolsa de colostomia.  Jair Bolsonaro  foi transferido para o Hospital Albert Einstein, na capital paulista, no último dia 7. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.