Tamanho do texto

Tribunal Superior Eleitoral considera que Dilma e Temer são "responsáveis solidários" por contas da campanha de 2010, alvo de investigação pela PF

Polícia Federal do Distrito Federal investiga prestação de contas da campanha de Dilma e Temer em 2010
Roberto Stuckert Filho I PR
Polícia Federal do Distrito Federal investiga prestação de contas da campanha de Dilma e Temer em 2010

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou à Polícia Federal que a ex-presidente Dilma Rousseff e o presidente Michel Temer são responsáveis "solidários" pela prestação das contas da campanha de 2010 apresentadas à Justiça Eleitoral.

Divide com eles a responsabilidade sobre as contas eleitorais de 2010 o ex-deputado Filippi Júnior, à época administrador financeiro da campanha presidencial, segundo informou o TSE.

LEIA TAMBÉM:  Gilmar Mendes teme financiamento do crime organizado nas eleições do Rio

No fim de agosto, a delegada Janaína Gadelha, da Polícia Federal no Distrito Federal, pediu que o TSE identificasse os responsáveis pela apresentação da prestação de contas de 2010 da chapa de Dilma e Temer. A informação é para ser usada em um inquérito policial aberto neste ano.

Na resposta à Polícia Federal, o TSE anexou o protocolo de entrega da prestação de contas da chapa formada por Dilma e Temer. O documento é datado de 30 de novembro de 2010 e traz as assinaturas de Dilma, Temer e Filippi Júnior.  

O tribunal citou diversas normas e resoluções para informar à PF que a então candidata à Presidência, o candidato a vice-presidente e o tesoureiro da campanha respondem conjuntamente pelas contas eleitorais.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.