Partido de Marina Silva pode ter candidatos nas eleições municipais de 2016

Por Luciana Lima - iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Legenda diz ter conseguido 50 mil assinaturas; dois senadores já conversam para migrar rumo ao partido de Heloisa Helena

Os dirigentes da Rede Sustentabilidade pretendem dar entrada na petição para o registro do novo partido daqui a duas semanas e já preparam a legenda para ter candidatos nas eleições municipais do próximo ano. De acordo com o ambientalista Pedro Ivo, as 50 mil assinaturas para a criação do partido já foram recolhidas e nos próximos dias, o partido se dedicará a checagem de cada ficha.

Dia 15: Ex-ministro Padilha é hostilizado por clientes em restaurante de luxo; assista

Marina Silva, que concorreu à Presidência pelo PSB e apoiou Aécio Neves no segundo turno, (Arquivo)
Facebook/Marina Silva
Marina Silva, que concorreu à Presidência pelo PSB e apoiou Aécio Neves no segundo turno, (Arquivo)

Cenário: Relator da reforma política desiste de ampliar mandato de senadores

Os integrantes da Rede ainda preferem não falar sobre a possível candidatura de Marina Silva em 2018. “Vamos primeiro focar nas eleições municipais”. Para criar o novo partido, os diretores utilizarão o mesmo processo aberto em 2013 e negado pelo Tribunal Superior Eleitoral pelo número insuficiente de assinaturas.

“O acordão é muito claro. Quando foi feito primeiro julgamento, o documento diz claramente que o processo estava tranquilo, correto, apenas faltava o número suficiente de fichas”, explica Ivo, um dos integrantes da direção da sigla.

Ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Sepúlveda Pertence é responsável pela defesa do partido. Além de pedir a reabertura do processo à Justiça Eleitoral, o partido também já prepara a “saída” do PSB, sigla que abrigou Marina Silva e levou sua candidatura após a morte de Eduardo Campos durante a campanha presidencial. “Não será bem uma saída, até porque não houve uma entrada”, diz ele.

No Acre, Marina Silva posa ao lado de familiares antes de votação do segundo turno das eleições (26/10). Foto: Facebook/Marina SilvaMarina Silva, que concorreu à Presidência pelo PSB e agora apoia Aécio Neves no segundo turno, vota em Rio Branco, no Acre (26/10). Foto: Facebook/Marina SilvaMarina Silva aparece no programa de Aécio Neves do horário eleitoral (22/10). Foto: ReproduçãoDepois de declarar apoio ao tucano, Marina Silva participa de ato político ao lado de Aécio Neves em São Paulo (17/10). Foto: Marcos Fernandes/Coligação Muda BrasilMarina anuncia apoio à Aécio Neves para o segundo turno das eleições presidenciais (12/10). Foto: Futura PressMarina Silva agradece Eduardo Campo após apuração das urnas. Ela ficou em 3º lugar (5/10). Foto: Vagner Campos/ MSILVA OnlineMarina Silva participa de coletiva depois do resultado das eleições. Ela acabou em 3º lugar na corrida presidencial (5/10). Foto: Vagner Campos/ MSILVA OnlineMarina Silva e seu já tradicional coraçãozinho depois de votação na sede do Incra, em Rio Branco, no Acre (5/10). Foto: Andre Penner/APMarina Silva está acompanhada pelo pai e pelo vice Beto Albuquerque na votação (5/10). Foto: Sergio Moraes/ReutersMarina Silva dá beijo no pai, Pedro Augusto Silva, em seu colégio eleitoral em Rio Branco (5/10). Foto: Sergio Moraes/ReutersMarina Silva, candidata à Presidência pelo PSB, posa para fotos depois de votar em Rio Branco, no Acre (5/10). Foto: Sergio Moraes/ReutersMarina Silva posta foto em sua página no Facebook a caminho da votação em Rio Branco, no Acre (5/10). Foto: Facebook/Marina SilvaMarina Silva chega a Rio Branco, no Acre, para eleição deste domingo. Ela vota na cidade (4/10). Foto: Sergio Moraes/ReutersPedro Augusto Silva, pai da candidata Marina Silva, e Maria Lucia, irmã da socialista, esperam a chegada de Marina no aeroporto de Rio Branco (4/10). Foto: Sergio Moraes/ReutersÚltima manhã de campanha de Marina Silva antes do primeiro turno foi em São Paulo (4/10). Foto: Nelson Antoine/APFilho de Eduardo Campos participa de comício de Marina Silva em Recife (29/9). Foto: Vagner Campos / MSILVARenata Campos, viúva de Eduardo Campos, e a família do ex-governador participam de comício com Marina Silva em Recife (29/9). Foto: Vagner Campos / MSILVAMarina se consulta com sua equipe de assessores no intervalo do debate entre presidenciáveis na Record (28/9). Foto: Gabriela Bilo/Futura PressMarina Silva se debruça em palanque para dar a mão a eleitores em comício em Juiz de Fora, em Minas Gerais (26/9). Foto: Vagner Campos / MSILVAMarina Silva visita  CUFA (Central Única de Favelas), no Rio de Janeiro (25/9). Foto: Vagner Campos / MSILVA OnlinePose para foto ao lado de Beto Albuquerque, vice na chapa para Presidência, em encontro com lideranças sindicais em São Paulo (24/9). Foto: Vagner Campos / MSILVAMarina cumpre agenda em Manaus e visita reserva Florestal Adolpho Ducke, na Zona Norte da cidade (21/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineMarina Silva tem encontro com lideranças dos movimentos negros em Salvador (20/9). Foto: Vagner Campos / MSILVACâmeras e celulares voltados para Marina Silva em dia de campanha em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista (19/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineAtor Marcos Palmeira e cantor Gilberto Gil ao lado de Marina Silva em encontro com artistas na escola de cinema Darcy Ribeiro, no Rio (17/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineAtor Marcos Nanini também demonstra apoio à Marina Silva em evento com artistas no Rio de Janeiro (17/9). Foto: Vagner Campos / MSILVAOtávio Muller é mais um ator da Globo no encontro da candidata do PSB com artistas na escola de cinema Darcy Ribeiro, no Rio (17/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineMarina Silva recebe orientações em intervalo de debate entre presidenciáveis promovido pela Confederação Nacional dos Bispos (CNBB) em Aparecida (16/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineMarina Silva fala com representantes do setor cultural e recebe apoio do cantor Gilberto Gil (15/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineDinho Ouro Preto, vocalista da banca de rock Capital Inicial, faz selfie com Marina Silva em evento em São Paulo (15/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineCineasta Fernando Meirelles e músico Dinho Ouro Preto posam com Marina em encontro da candidata do PSB com representantes do setor cultural, em São Paulo (15/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineMarina Silva tem encontro com lideranças indígenas na CNTC (Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio), em Brasília (14/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineMarina recebe carinho de seu vice Beto Albuquerque durante discurso em Ceilândia, no Distrito Federal (14/9). Foto: Vagner Campos/MSilva onlineCelular prontos para registrar discurso de Marina Silva em Teresina, no Piauí (13/9). Foto: Leo Cabral/PSBMarina Silva faz discurso em João Pessoa, na Paraíba (13/9). Foto: Leo Cabral / PSBMarina Silva e Beto Albuquerque dão entrevista coletiva em Sobral, no Ceará (13/9). Foto: DivulgaçãoMarina Silva faz comício na Praça do Ferreira, no centro de Fortaleza (12/9). Foto: Vagner Campos/PSBPresidenciável Marina Silva (PSB) visita entidade filantrópica na zona leste, em São Paulo (10/09). Foto: DIVULGAção/PSBMarina Silva sorri durante compromisso de campanha em Belo Horizonte (9/9). Foto: Leo Cabral/ MSILVA OnlineMarina Siva visita creche no Bom Retiro, em São Paulo (8/9). Foto: Wanderley Preite/iGCrianças se apresentam para Marina Silva em creche no Bom Retiro, em São Paulo (8/9). Foto: Wanderley Preite/iGCandidata do PSB aplaude apresentação de crianças em creche em São Paulo (8/9). Foto: Wanderley Preite/iGMarina Silva também faz visita e posa para fotos no Parque da Juventude em São Paulo nesta segunda-feira (8/9). Foto: DivulgaçãoMarina Silva faz campanha em Vitória da Conquista, na Bahia (7/9). Foto: DivulgaçãoCandidata participa do lançamento da casa de Beto e Marina m Guarulhos (SP), um dos comitês de campanha (5/9). Foto: DivulgaçãoMarina Silva e o vice Beto Albuquerque têm encontro com José Ivo Sartori, candidato do governo do RS, e Pedro Simon, candidato ao Senado, em Porto Alegre (4/9). Foto: Luiz Chaves/ Sartori 15A candidata à Presidência da República pelo PSB, Marina Silva, durante debate no SBT (1/9)  . Foto: Alice Vergueiro / Futura PressMarina Silva e sei vive Beto Albuquerque têm encontro com a juventude do PSB no Rio de Janeiro (30/8). Foto: Facebook/Marina SilvaAo lado de Romário, Marina e Beto Albuquerque passeiam pela favela da Rocinha, no Rio de Janeiro (30/8). Foto: Facebook/Marina SilvaMarina Silva (PSB) discursa durante lançamento do programa de governo em São Paulo (29/08). Foto: Vitor SoranoMarina Silva (PSB) e vice Beto Albuquerque lançam o programa de governo em São Paulo (29/08). Foto: Vitor SoranoMaurício Rands, um dos coordenadores do programa de governo de Marina Silva (PSB), discursa sobre plano (29/08). Foto: Vitor SoranoMarina Silva recebe placa durante visita a FENASUCRO em Sertãozinho, interior de São Paulo (28/8). Foto:  Leo Cabral/ MSILVA OnlineA presidenciável Marina Silva (PSB) é entrevista por William Bonner e Patricia Poeta na bancada do Jornal Nacional (27/08). Foto: Globo/ João CottaMarina Silva chega para debate TV Band, o primeiro com os presidenciáveis nestas eleições (22/08). Foto: Marcos Bezerra/Futura PressEncontro entre Marina, Dilma e Aécio no debate da TV Band (26/8). Foto: Marcos Bezerra/Futura PressMarina Silva, candidata do PSB à Presidência, faz selfies durante passeio pela Bienal do Livro, em São Paulo (23/8). Foto: Vanderlei Preite Sobrinho/iGMarina Silva posta para fotos ao lado de eleitores na Bienal do livro (25/8). Foto: Vanderlei Preite Sobrinho/iGMarina Silva, candidata do PSB à Presidência, visita Bienal do livro em São Paulo (25/8). Foto: Vanderlei Preite Sobrinho/iGMarina posa para fotos ao lado de eleitores no Centro de Tradições Nordestinas, em São Paulo (25/8). Foto: DIVULGAção/PSBCandidata do PSB autografa livro no durante visita ao Centro de Tradições Nordestinas, em São Paulo (25/8). Foto: DIVULGAção/PSBMarina Silva visita Centro de Tradições Nordestinas, em São Paulo (25/8). Foto: DIVULGAção/PSBEm Recife, terra de Eduardo Campos, Marina Silva fez o seu primeiro ato de campanha como presidenciável do PSB neste sábado (23/8). Foto: DIVULGAção/PSBMarina Silva e o vice Beto Albuquerque ganham bonecos gigantes durante caminhada em Pernambuco (23/8). Foto: DIVULGAção/PSBBeto Albuquerque, Roberto Amaral, Marina Silva e  Rodrigo Rollemberg no lançamento oficial da nova chapa presidencial do PSB,em Brasília (20/08). Foto: Alan Sampaio / iG BrasíliaRoberto Amaral (centro), presidente do PSB, assiste aperto de mão de Marina Silva e Beto Albuquerque, componentes da chapa presidencial do partido (20/08). Foto: Alan Sampaio/ iG BrasiliaPresidenciável Marina Silva (PSB) participa da missa de sétimo dia do ex-governador Eduardo Campos (19/08). Foto: ALAN SAMPAIO/iG BRASILIAMarina Silva conforta Renata Campos, viúva de Eduardo Campos, no velório do político (17/8). Foto: Ricardo Moraes/ReutersMarina Silva, que era candidata à vice na chapa de Eduardo Campos, encontra Dilma no velório do político (17/8). Foto: Ricardo Moraes/ReutersCandidata à vice Marina Silva lamenta a morte do ex-governador Eduardo Campos (13/8). Foto: ReproduçãoMarina já tentou candidatura à Presidência em outras eleições e foi senadora. Aqui ela é vista no Congresso (20/10/2010). Foto: Antonio Cruz/ABrMarina Silva ao lado de Eduardo Suplicy, senador pelo PT (20/10/2010). Foto: Antonio Cruz/ABrMarina é cumprimentada por José Sarney durante reunião de políticos (23/05/2010). Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilEm fevereiro de 2013, Marina lança seu novo partido, o Rede Sustentabilidade (16/02/2013). Foto: José Cruz/ABr Marina conversa com Heloísa Helena no lançamento do partido Rede (16/02/2013). Foto: José Cruz/ABr Em 2014, Marina é oficializada como vice na chapa de Eduardo Campos para Presidência (14/4). Foto: Alan Sampaio / iG BrasíliaParceria Marina e Eduardo Campos ganhou força em 2013, quando o presidenciável rompeu com atual governo. Foto: Ueslei Marcelino/ReutersRelembre a caminhada de Marina ao lado de Campos nas eleições. Eles visitaram arcebispo do Rio (12/8). Foto: PSBAo lado de Marina, Campos visita conjunto habitacional para idosos na Paraíba (9/8). Foto: DIVULGAção/PSBEduardo Campos e Marina Silva na Fundação Abrinq (7/8). Foto: Wanderley Preite Sobrinho/iGMarina e Erondina fazem caminhada pela Bahia (3/8). Foto: Twitter/Silva_MarinaCandidata à vice-presidência do PSB, Marina Silva, é vista durante sabatina do seu companheiro de chapa, Eduardo Campos, na CNI (30/7). Foto: ALAN SAMPAIO/iG BRASILIACandidato do PSB à Presidência, Eduardo Campos, e sua vice, Marina Silva, chegam a auditório para encontro na CNI, em Brasília (30/7). Foto: José Paulo Lacerda/ CNIEduardo Campos e Marina Silva inauguram casa Campos-Marina em Osasco. Local será comitê eleitoral da campanha da dupla (28/7). Foto: Facebook/Eduardo CamposMarina Silva, vice na chapa de Eduardo Campos à Presidência, se refresca em café em Belo Horizonte (22/7). Foto: Flávio Tavares/Hoje em Dia/Futura PressMarina Silva e Eduardo Campos durante coletivo para o lançamento da candidatura de dez aliados de Marina ao Legislativo (26/7). Foto: Wanderley Preite Sobrinho/iGEduardo Campos e Marina Silva visitam a Exposição Agropecuária do Crato, município do Ceará (20/7). Foto: Divulgação/Site OficialEduardo e Marina vestem kimono para acompanhar a 17ª edição do Festival do Japão, em São Paulo. Foto: Reprodução/Facebook Eduardo CamposEduardo Campo e Marina Silva registram candidatura presidencial pelo partido PSB (3/7). Foto: Reprodução/Facebook oficial PSBPSB oficializa candidatura de Eduardo Campos e Marina Silva à presidência e vice-presidência da República em Brasília (28/6). Foto: Humberto Pradera

Moro: Juiz fixa fiança de R$ 500 mil para soltar investigado na Operação Lava Jato

Os dirigentes ainda esperam poder realizar uma série de convenções estaduais em junho e julho deste ano e o congresso nacional da legenda em setembro. “Queremos estar com tudo preparado para que seis meses antes das eleições tenhamos condições de ter nossos candidatos já filiados. Vamos começar pequenos, priorizando as eleições para vereador e, quem sabe prefeitos”, explicou.

Em relação a criação dos diretórios municipais, os dirigentes acreditam que não será possível essa formação até as eleições. No entanto, no entendimento da legenda, isso não influenciará para o lançamento de candidaturas nos municípios.

No Congresso, a Rede espera de início atrair alguns deputados e trabalha com a possibilidade de trazer para seus quadros pelo menos dois senadores: Randolfe Rodrigues (PSOL-AC) e Reguffe (PDT-DF). Além disso, também devem integrar a legenda a ex-senadora e hoje vereadora de Maceió, Heloisa Helena (PSOL) e, no Rio de Janeiro, Jefferson Moura (PSOL).

Leia tudo sobre: pedro ivoheloisa helenamarina silvario de janeiro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas