Segundo informou Dilma, a periodicidade da coordenação política é flexível e pode ser semanal ou um pouco mais frequente

Agência Brasil

Um dia após as manifestações contra o governo que tomaram as ruas de cidades pelo país, a presidenta Dilma Rousseff está reunida com o vice-presidente, Michel Temer, e nove ministro, no Palácio do Planalto. Na última semana, a presidenta Dilma Rousseff informou que faria reuniões de coordenação política com a participação de ministros de diversos partidos para discutir os temas de interesse do governo.

Se Dilma sofrer impeachment, Brasil terá novas eleições? Tire suas dúvidas

Manifestação anti-Dilma supera auge dos protestos de junho de 2013

Esvaziado, ato anti-Dilma tem cartaz em inglês e hino a favor do impeachment

Com discurso de 'Fora Dilma', milhares vão às ruas e despertam reação do governo

A reunião começou no início da manhã. Segundo informou Dilma na última quarta-feira (11), a periodicidade da coordenação política é flexível e pode ser semanal ou um pouco mais frequente.

Participam do encontro, além de Temer, os ministros de Minas e Energia, Eduardo Braga; das Cidades, Gilberto Kassab; da Aviação Civil, Eliseu Padilha; da Ciência e Tecnologia, Aldo Rebelo; da Casa Civil, Aloizio Mercadante; da Secretaria de Relações Institucionais, Pepe Vargas; da Secretaria-geral da Presidência, Miguel Rossetto; da Defesa, Jaques Wagner; da Justiça, José Eduardo Cardozo; e o assessor especial da presidenta, Gilles Azevedo.

Protestos 15 de março


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.