Servidores pedem pagamento de salário ao novo governador do DF

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Os manifestantes exibiam faixas com críticas à gestão de Agnelo, e pediam o pagamento de salários atrasados

Agência Brasil

Rodrigo Rollemberg, governador eleito do DF, no dia em que anunciou os nomes dos futuros secretários
Elza Fiuza/Agência Brasil
Rodrigo Rollemberg, governador eleito do DF, no dia em que anunciou os nomes dos futuros secretários

Um grupo de manifestantes protestou nesta quinta-feira (1°) na cerimônia de transmissão do cargo de governador do Distrito Federal (DF). Eles ficaram em frente ao Palácio do Buriti aguardando a chegada do novo governador, Rodrigo Rollemberg, para receber a o cargo de seu antecessor, Agnelo Queiroz. Os manifestantes exibiam faixas com críticas à gestão de Agnelo, e pediam o pagamento de salários atrasados.

O grupo entoava frases como “Roubou demais, Agnelo nunca mais”. Rollemberg ouviu um pedido: "Bem-vindo governador, pague o salário do servidor". Ele foi recebido por Agnelo, que não foi visto pelos manifestantes. Mas, quando o nome do ex-governador foi citado pelo cerimonial, houve vaias.

Agnelo Queiroz e seu vice Tadeu Filippelli deixaram o Palácio do Buriti logo após passar a faixa de governador para Rodrigo Rollemberg.

O Distrito Federal vem sofrendo com a interrupção de serviços públicos devido à falta de pagamento do governo local a servidores. Em entrevista no mês passado, ao apresentar um diagnóstico das contas do DF, Rollemberg classificou a situação de “muito grave” e disse que o novo governo terá que fazer cortes e ampliar as receitas para reequilibrar as finanças. Na época, o governo de Agnelo Queiroz não reconheceu os números e dados apresentados e informou que estava trabalhando para entregar o DF em perfeito funcionamento e com as contas em dia.

Pedro Taques assume governo do Mato Grosso com a promessa de "nova política de tributação". Foto: José Medeiros/SECOM"São Paulo não pode esperar um dia, um minuto, para oferecer ao país a sua parcela de luta", discursou Geraldo Alckmin na posse. Foto: DivulgaçãoAo lado do presidente da Samuel Moreira (PSDB), Geraldo Alckmin ouve o Hino Nacional antes da posse . Foto: Reprodução/TV CulturaGeraldo Alckmin (PSDB) discursa logo após tomar posse de seu quarto mandato no governo de São Paulo . Foto: Vitor SoranoDe mãos dadas com a mulher Lu Alckmin, Geraldo Alckmin acena para convidados ao chegar na Assembleia Legislativa de São Paulo . Foto: Vitor SoranoO governador Geraldo Alckmin (PSDB) deixa o Palácio do Bandeirantes em direção à Assembleia Legislativa para tomar posse ao quarto mandato para governar o Estado. Foto: DivulgaçãoGeraldo Alckmin posa com a primeira-dama Lu Alckmin e com seus três filhos. Foto: DivulgaçãoGovernador reeleito do Acre, Tião Viana (PT), lê seu juramento durante a cerimônia de posse na Assembleia Legislativa do Acre. Foto: Fotos PúblicasGovernador reeleito do Acre, Tião Viana (PT), lê seu juramento durante a cerimônia de posse na Assembleia Legislativa do Acre. Foto: Fotos Públicasui Costa toma posse do cargo de governador da Bahia na manhã desta quinta-feira (1), em cerimônia realizada na Assembleia Legislativa. Foto: Futura PressFernando Pimentel foi empossado nesta quinta-feira (01) em cerimônia na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Foto: Fotos PúblicasFernando Pimentel toma posse como governador de Minas Gerais na Assembleia Legislativa. Foto: Fotos Públicas Governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB) participa de missa, antes da cerimônia de posse, na manhã desta quinta-feira (1). Foto: Futura PressFrancisco Dornelles assumiu como vice-governador do Estado do Rio na manhã desta quinta-feira, 1º de janeiro de 2014
. Foto: Bruno de Lima / Agência O DiaGovernador eleito no Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão assume seu mandato
. Foto: Bruno de Lima / Agência O Dia


Leia tudo sobre: servidorespagamentoRodrigo RollembergposseAgnelo Queiroz

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas